conecte-se conosco


Internacional

Biden diz que Trump escreveu uma carta “muito generosa” antes de sair

Publicado


source
.
Reprodução: iG Minas Gerais

Joe Biden

O presidente dos EUA, Joe Biden , disse que seu antecessor, Donald Trump , deixou-lhe uma “carta muito generosa” antes de deixar Washington nesta quarta-feira (20).

“O presidente escreveu uma carta muito generosa. Como o conteúdo era privado, não vou falar sobre isso [publicamente] até falar com ele”, afirmou.

Você viu?

As declarações foram feitas depois que Biden assinou três ações executivas, incluindo a exigência de máscaras faciais em propriedades federais e uma medida que reintegraria os EUA ao Acordo de Paris sobre o clima.

Os conteúdos das ordens e diretrizes ainda não foram divulgados.

Fonte: IG Mundo

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Internacional

Assunção registra violência após resposta à pandemia gerar protestos

Publicado


Manifestantes e polícia entraram em conflito na capital do Paraguai, Assunção, na noite desta sexta-feira (5), depois que a maneira como o governo vem lidando com a pandemia gerou protestos e causou a renúncia da principal autoridade sanitária do país.

Forças de segurança atiraram balas de borracha e gás lacrimogêneo contra a multidão de centenas de pessoas reunidas em torno do prédio do Congresso, enquanto manifestantes furaram barreiras, queimaram barricadas nas ruas e atiraram pedras na polícia.

Os protestos, que transformaram o centro histórico da capital em um campo de batalha com fogo, fumaça e tiros, eclodiram em meio à crescente revolta da população por conta das taxas de infecção recordes por coronavírus, além de hospitais à beira do colapso.

Na sexta-feira, o ministro da Saúde do Paraguai, Julio Mazzoleni, renunciou, um dia depois que parlamentares do país pediram sua saída.

*Com informações da agência Reuters.

Continue lendo

Internacional

Primeiro-ministro do Iraque anuncia Dia Nacional da Tolerância

Publicado


O primeiro-ministro do Iraque, Mustafa al-Kadhimi, declarou a data de hoje (6) como Dia Nacional da Tolerância e da Coexistência, após encontro do papa Francisco com o principal clérigo xiita do país.

O chefe do executivo iraquiano fez a declaração no Twitter, escrevendo que o anúncio era “em celebração” aos eventos de hoje com o Papa, chamados de “históricos” pelo governante.

A principal mensagem da visita de fim de semana de Francisco ao Iraque consiste num apelo ao país para aceitar a diversidade e garantir direitos iguais às minorias. Com isso, o papa espera garantir direitos da população cristã no país.

Francisco se reuniu também, na cidade santa de Najaf, com o aiatolá iraquiano Ali al-Sistani e participou de um encontro interreligioso nas Planícies de Ur, local de nascimento de Abraão, patriarca reverenciado por judeus, cristãos e muçulmanos.

A agenda papal inclui ainda encontros com a comunidade católica no Iraque, composta por 590 mil pessoas, cerca de 1,5% da população, além de cristãos de outras igrejas e líderes políticos.

Primeira missa

O papa Francisco celebrou em Bagdá sua primeira missa pública de rito oriental no Iraque perante uma assembleia escassa por conta da pandemia de covid-19, com cerca de 180 fiéis.

Na Igreja de São José, no centro da capital iraquiana, o chefe da igreja católica, de 84 anos, celebrou a missa em árabe, aramaico, curdo e turcomano, além do italiano.

A cerimônia contou com a presença surpresa do presidente iraquiano curdo, Barham Salih, com quem Francisco se encontrou logo após sua chegada ao país árabe.

No segundo dia de sua visita histórica ao Iraque, Francisco celebrou a missa pelos fiéis cristãos castigados nos últimos anos pela perseguição do grupo terrorista do autoproclamado Estado Islâmico.

No domingo (7), o papa visita três cidades em menos de dez horas – a destruída Mossul, onde o Estado Islâmico proclamou o seu “califado” em 2014; Qaraqosh, maior cidade cristã do Iraque; e Erbil, capital do Curdistão, onde deve celebrar uma missa para 10 mil fiéis.

*Com informações da RTP.

Edição: Paula Laboissière

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana