conecte-se conosco


Economia

Auxílio Brasil de R$ 600 é insuficiente para maioria dos eleitores

Publicado

Auxílio Brasil de R$ 600 é insuficiente para maioria dos eleitores
Wikimedia Commons

Auxílio Brasil de R$ 600 é insuficiente para maioria dos eleitores

Uma das principais apostas do presidente Jair Bolsonaro (PL) para as eleições, o Auxílio Brasil de R$ 600, que começa a ser pago na semana que vem, é insuficiente para mais da metade dos eleitores, revela nova pesquisa do Datafolha.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

A PEC Eleitoral, que abriu margem para ampliar o valor do benefício de R$ 400 para R$ 600 até o final do ano, também é visto como eleitoreira para a maioria dos entrevistados.

Segundo o Datafolha, 56% dos eleitores consideram o novo valor do Auxílio Brasil insuficiente, 36% consideram suficiente e 7%, mais do que suficiente.

Entre os beneficiários do programa, 54% avaliam o benefício como insuficiente, 38%, como suficiente, e 8% afirmam ser mais do que suficiente.

Em maio, quando foram questionados sobre o valor do Auxílio Brasil em R$ 400,  69% dos beneficiários responderam que o benefício era insuficiente, 29% classificavam como suficiente e 2%, como mais do que suficiente.

De acordo com a pesquisa, 25% dos entrevistados são ou moram com um beneficiário do programa que substituiu o Bolsa Família. Em maio, eram 21%. Entre os beneficiados (diretos ou indiretos), 63% são mulheres.

De olho nas eleições

Questionado sobre quais seriam as motivações do governo federal em oferecer um ‘pacote de bondades’ até o final deste ano, 61% dos eleitores responderam acreditar que o objetivo é ganhar votos para o presidente Bolsonaro.

Outros 31% dizem que o governo quer, principalmente, ajudar as pessoas que estão precisando, enquanto os 6% restante veem as duas motivações em conjunto e 2% não opinaram.

Não há uma diferença significativa nas respostas entre quem recebe o Auxílio Brasil (59% avaliam que a motivação é principalmente eleitoral e 32% destacam o objetivo de ajudar os pobres) e aqueles que não recebem o benefício (61% e 31%, respectivamente).

Entre os eleitores que aprovam o governo, 20% veem o pacote com objetivo prioritariamente eleitoral, e 68% destacam o intuito de ajudar as pessoas. Para os que reprovam o governo, os percentuais são de 87% e 9%, respectivamente. A opinião sobre o objetivo eleitoreiro também é maior entre eleitores de 16 a 24 anos (69%).

Mesmo com a aprovação da PEC Eleitoral, Bolsonaro aparece em segundo lugar na pesquisa sobre intenção de voto, com 29%. Lula aparece na primeira posição, com 47%. Os dados também são do Datafolha.

O Datafolha ouviu 2.556 pessoas em 183 cidades de forma presencial na quarta (27) e quinta-feira (28). A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos. A pesquisa está registrada no TSE sob o número BR-01192/2022.

Além de ampliar o Auxílio Brasil de R$ 400 para R$ 600, a PEC também dobrou o valor do vale-gás, criou um voucher a caminhoneiros de R$ 1 mil e criou um auxílio a taxistas, também no valor de R$ 1 mil. Todas as medidas valem até o fim deste ano e começam a ser pagas neste mês. 

Fonte: IG ECONOMIA

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Economia

Assembleia da Petrobras avalia nomes para Conselho de Administração

Publicado

 A Petrobras realiza agora à tarde Assembleia Geral Extraordinária (AGE) de acionistas para eleger oito membros do Conselho de Administração. Além do atual presidente da estatal, Caio Paes de Andrade, estão confirmados na lista o secretário executivo da Casa Civil da Presidência da República, Jônathas Assunção Salvador Nery de Castro, e o procurador-geral da Fazenda Nacional, Ricardo Soriano de Alencar.

Os nomes de Castro e Alencar, indicados pelo acionista majoritário, ou seja, a União, foram excluídos da lista em julho passado, porque o Comitê de Elegibilidade (Celeg) da companhia apontou a existência de conflito de interesse para que ocupassem assento no colegiado, ao mesmo tempo em que exerceriam cargo no governo federal.

Entretanto, nos dias 11 e 15 deste mês, a Petrobras recebeu ofícios dos ministérios da Economia e de Minas e Energia, respectivamente, que ratificavam a indicação, pelo acionista controlador, de Alencar e Castro para o Conselho de Administração da empresa, a ser submetida à AGE convocada para esta sexta-feira.

A assembleia será online, por meio de plataforma digital, conforme estabelecido no edital de convocação e manual de participação na reunião de acionistas, no último dia 19 de julho.

A lista para integrar o Conselho da Petrobras foi divulgada pelo Ministério de Minas e Energia no dia 9 de junho, composta por Caio Mario Paes de Andrade (atual presidente da empresa), Gileno Gurjão Barreto (indicado para presidir o Conselho de Administração), Ricardo Soriano de Alencar, Edison Antonio Costa Britto Garcia, Jonathas Assunção Salvador Nery de Castro, Ieda Aparecida de Moura Gagni, José João Abdala Filho, Marcelo Gasparino da Silva, Ruy Flaks Schneider e Márcio Andrade Weber.

A Petrobras informou, por meio da assessoria de imprensa, que o resultado da assembleia deverá ser divulgado ainda hoje, após o fechamento do mercado financeiro.

Edição: Graça Adjuto

Fonte: EBC Economia

Continue lendo

Economia

Cuiabá encerra a semana com 855 vagas de emprego com salários de até R$ 7 mil; veja funções e benefícios

Publicado

Para quem busca uma oportunidade no mercado de trabalho, o Sine Municipal, coordenado pela Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, disponibilizou nesta sexta-feira (19), mais de 850 vagas de emprego em diversas áreas de atuação.

As oportunidades são para os cargos de: agente de vendas de serviços, ajudante de obras, analista de planejamento financeiro, atendente de balcão, auxiliar de limpeza, balconista de açougue, borracheiro, carpinteiro, conferente de carga e descarga, eletricista, eletrotécnico, engenheiro civil, garçom, gerente comercial, motorista de caminhão, operador de caldeira, serralheiro, técnico de edificações, vendedor interno, entre outas vagas.

Para se candidatar basta baixar o aplicativo “Sine Fácil” ou acessar a página virtual do Emprega Brasil (empregabrasil.mte.gov.br). O candidato pode ainda se dirigir a unidade do Sine no Coxipó ou no Shopping Popular, com os documentos pessoais.

Nesta sexta-feira, a van do Sine da Gente, que integra o programa Pra Frente Cuiabá, leva atendimento aos moradores do bairro Altos do Parque. A equipe se posiciona no espaço da EMEB Clóvis Hugueney Neto, localizada na Avenida I, Quadra 21, Lote 30, oferecendo os serviços de encaminhamento de vagas de emprego, Carteira de Trabalho Digital e orientação no Seguro de Desemprego, das 9h às 12 e 13h às 16h.

Canais de atendimento Sine Municipal de Cuiabá:

Sine Shopping Popular: das 9h às 17h

Telefone e Whatsapp: (65) 3664-1503/ 99251-7480

Sine Coxipó: das 7h às 17h

Telefone e Whatsapp: (65) 3675-3113/ 99337-2799

Sine da Gente (Sine móvel): toda semana em um bairro diferente de Cuiabá.

Os empregadores que desejarem anunciar suas vagas no Sine podem entrar em contato pelos telefones (65) 3645–7216 ou (65) 3645-7237, pelo whats (65) 99255–2450 ou pelo e-mail [email protected].

PLANILHA DE VAGAS 19-08-2022

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana