conecte-se conosco


Nacional

Atos favorável e contrário a Bolsonaro estarão separados por 3km em Brasília

Publicado


source
Atos favorável e contrário a Bolsonaro estarão separados por 3km em Brasília
Reprodução

Atos favorável e contrário a Bolsonaro estarão separados por 3km em Brasília

As manifestações agendadas para o próximo dia 7 de setembro, onde apoiadores e críticos ao  governo Jair Bolsonaro (sem partido) irão às ruas, ocorrerão em locais próximos. Opositores farão um ato na Torre de TV, enquanto os bolsonaristas ocuparão a praça dos Três Poderes – uma separação, em linha reta, de apenas 3km.

Organizadores do ato contrário ao mandatário fizeram uma concessão e abriram mão da presença na Esplanada do Ministérios, onde tradicionalmente realizam suas manifestações, e alegam que não farão novas mudanças. O grupo havia sido questionado sobre a possibilidade de trocar o horário da concentração.

Mesmo com um cenário onde o número de críticos pode ser muito menor do que o de apoiadores, lideranças do ato mantiveram a decisão de se reunir na próxima terça-feira (07). Entre as razões apontadas, destaca-se a falta de mobilização das esquerdas nas manifestações anteriores.


Camila de Caso, uma integrante da manifestação crítica ao governo, alega que “a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal tem de garantir a segurança dos dois atos”.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nacional

Domingo será frio e chuvoso em São Paulo

Publicado


source
Chuva em São Paulo
Reprodução: Agência Brasil

Chuva em São Paulo

O domingo (17) será chuvoso e com sensação de frio na capital. O Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE) divulgou que a mínima será de 15ºC e a máxima de 19ºC.

Com as temperaturas mais baixas, a previsão é de fortes pancadas de chuva durante a tarde e a noite neste domingo. A umidade do ar em São Paulo oscila entre 70% e 95%.

Continue lendo

Nacional

Aras nega vaga ao STF e diz que cargo de PGR é “conflituoso”

Publicado


source
André Mendonça e Augusto Aras
Montagem iG / Isac Nóbrega/PR / Jefferson Rudy/Agência Senado

André Mendonça e Augusto Aras

O Procurador-Geral da República (PGR), Augusto Aras, afirmou em entrevista durante o Canal Livre que o presidente Jair Bolsonaro não o convidou para ser ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), na vaga de André Mendonça, ex-AGU (Advogado-Geral da União). Segundo Aras, ele “não se candidatou à vaga no STF”, mas ressaltou: “até o momento”. 

“Quem quer ser ministro do Supremo não pode ser PGR e vice-versa. O cargo de procurador-geral da República é extremamente conflituoso”, afirmou Aras no trecho antecipado pelo Canal Livre.

Aras é o convidado do programa que será exibido neste domingo (17) às 20h no BandNews TV e às 23h30 na Band.

Aras foi ventilado ao cargo após a indicação de André Mendonça empacar na CCJ do Senado nas mãos de Davi Alcolumbre. O nome de Aras é bem visto por políticos do Centrão. 

Leia Também

Sobre as denúncias a serem apresentadas pela CPI da Covid, aras disse que  “serão tomadas todas as providências”.  

“A retórica política cabe aos órgãos éticos disciplinares dos poderes. Do ponto de vista da presidência da República, se houvesse algum tipo de violação, caberia ao Congresso Nacional apreciar o eventual crime de responsabilidade”, afirmou o PGR.

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana