conecte-se conosco


Policial

Atendimento 191 da PRF em Mato Grosso é integrado ao Ciosp

Publicado

Mudança visa melhoria na segurança pública com maior agilidade no atendimento das demandas e na execução das ações policiais

O Centro de Comando e Controle Regional (C3R) da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Mato Grosso passou a operar no Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP).

A mudança do atendimento de emergências da PRF, via telefone 191, ocorreu nesta terça-feira-feira (10) com a assinatura do acordo de cooperação técnica entre a União e o Estado. Com isso, a estrutura do C3R, que antes ficava superintendência da PRF MT, foi transferida para o prédio da SESP.

O telefone de emergências da PRF continua o mesmo – 191 – porém, o C3R passa a contar com a ajuda dos atendentes do Ciosp, que filtram as chamadas e demandam para os policiais da força de segurança competente.

A integração do atendimento às demais forças visa a melhoria na segurança pública, conforme explica a superintendente substituta da PRF em MT, Iara Alves dos Santos.

“Haverá mais agilidade no atendimento e nas ações policiais, pois muitas vezes o usuário ligava 191 pedindo ajuda e se encontrava numa área que não é de competência da PRF, então tinha que ser orientado a ligar para outros números, ou os nossos operadores precisavam acionar outras forças de segurança. O contrário também acontecia. Agora o atendimento poderá ser direcionado e efetuado com mais rapidez. Quando houver necessidade de integração entre forças numa atuação, também ocorrerá com mais agilidade”.

O secretário adjunto de Integração Operacional, coronel Vitor Portes, destacou a importância da união com a PRF. “Isso materializa uma integração que já existia. Vai facilitar muito o atendimento das demandas, a comunicação e integração entre as forças e dará dinamismo às ações e operações na segurança pública”.

O Ciosp concentra as chamadas feitas ao 190 (PM-MT), 193 (Bombeiros), 197 (Polícia Civil), 181 (Disque Denúncia), 199 (Defesa Civil) e agora 191 (PRF). Segundo a SESP, a média é de 2.500 ligações diárias e a previsão é que aumente para 2.900 com a entrada da PRF.

O centro também concentra o monitoramento de 106 câmeras instaladas nos trechos urbanos de Cuiabá e Região Metropolitana e agora agrupa as câmeras de monitoramento das rodovias federais do Estado.

Neocleciana Gonçalves – SECOM PRF MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

PM prende foragido da Justiça depois de agredir a mãe em Rondonópolis

Publicado

m Rondonópolis (212 km de Cuiabá), uma denúncia anônima levou à prisão de um foragido da justiça no momento em que o suspeito, de 28 anos, agredia a própria mãe. Policiais do 5º Batalhão da Polícia Militar chegaram ao local e flagraram o agressor no meio da rua arrastando a mãe pelos cabelos.

Isso ocorreu na tarde de sábado (26.09), em uma rua do bairro Cidade Salmem. Os dois, mãe (58 anos) e filho, estariam aparentemente embriagados e mesmo com a chegada da equipe da PM continuaram brigando e somente não entraram em vias de fatos porque o policiais impediram.

Dentro da residência os policiais encontraram móveis e utensílios domésticos danificados, supostamente pelo filho da vítima. Lá também havia uma criança, uma idosa acamada e uma outra mulher que supostamente sofre transtornos psicológicos. Os policiais acionaram os Conselhos Tutelar e do Idoso para que a criança e a idosa possam recebem assistência.

 

Continue lendo

Policial

Homem é preso por ameaça, cárcere e estupro contra companheira que se relacionava há três meses

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem suspeito dos crimes de ameaça, cárcere privado, estupro foi preso em flagrante pela Polícia Civil, na sexta-feira (25.09), em ação realizada pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Cuiabá. O suspeito, de 55 anos, praticou os atos contra a companheira, de 43 anos, com a qual se relacionava a cerca de três meses.

Segundo as informações, o casal veio da cidade de Uberlândia (MG) para Cuiabá, no dia 17 de setembro, quando o suspeito vendeu um aparelho celular para pagar a diária de um hotel. No dia seguinte (18), o casal foi para um albergue, porém em razão a brigas por ciúmes e machismo, a vítima procurou a assistente social pedindo ajuda para ir voltar para sua cidade.

Depois de conseguir passagem para ir embora e dinheiro com seus familiares, na quinta-feira (24), a vítima foi para a Rodoviária, momento em que foi surpreendida pelo agressor, o qual rasgou o seu bilhete de embarque. A vítima tentou pedir ajuda para populares, porém o suspeito não deixava as pessoas se aproximarem, dizendo que era “briga de marido e mulher”.

Em seguida, o suspeito levou a vítima para um hotel, nas proximidades da rodoviária, onde passou a proibir a vítima de sair do quarto e a agredia com tapas no rosto, além de rasgar a sua roupa e estuprá-la. Após o ato sexual forçado, o suspeito passou a noite consumindo entorpecentes e na manhã seguinte disse que levaria a vítima para almoçar e depois retornariam ao hotel para que ele continuasse com as agressões.

No restaurante, a vítima aproveitou um momento em que o suspeito se ausentou para fugir e com ajuda de populares chegou até a Delegacia da Mulher. Narrando os fatos, pedindo retirado dos seus pertences e a prisão do autor.

Com base nas informações,  a equipe da DEDM se deslocou até o hotel, onde encontrou o suspeito, o qual foi identificado pela vítima e preso pelos policiais. O suspeito estava visivelmente sob efeitos de entorpecente, ameaçou os policiais tentando resistir a prisão, sendo também autuado em flagrante pelos crimes de desacato e desobediência.

A vítima, totalmente aterrorizada, requereu medidas protéticas e enquanto aguarda o retorno para o seu estado, ficará na casa de amparo.

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana