conecte-se conosco


Tecnologia

Ataques de phishing continuam crescendo durante pandemia; saiba se proteger

Publicado


source
phishing
iStock

Aprenda a se proteger de ataques digitais


Os ataques de phishing a dispositivos móveis no Brasil cresceram 4% de março a abril, segundo levantamento da empresa de cibersegurança Kaspersky. O aumento vem seguido de uma alta de 124%, registrada no mês anterior. 

Ataques de phishing são aqueles nos quais criminosos se disfarçam sob identidades confiáveis ( geralmente de empresas famosas ) a fim de roubar dados dos internautas. E o crescimento registrado em abril, por menor que seja, indica que os golpes desse tipo continuam em alta durante a pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2). 

Leia também: Vai comprar online? Especialistas dão dicas para não cair em golpes

No mês passado, quando o aumento de 124% foi registrado pela Kaspersky, a empresa identificou que uma parcela significativa dos ataques de phishing estavam relacionados à pandemia. Muitos produtos e serviços falsos sobre a Covid-19 circularam, sobretudo no WhatsApp

Por outro lado, o envio de malware (programas maliciosos que atacam celulares e computadores das vítimas) diminuiu 14% em abril. Para Thiago Marques, analista de segurança da Kaspesrky no Brasil, isso indica que os cibercriminosos estão focados ainda mais em ataques de phishing.

“A queda no índice de malware indica que os cibercriminosos estão se voltando para outras técnicas que estão dando mais retorno e que voltamos a um patamar ‘normal’ após um período de vunerabilidade gerado pela adoção massiva do home office pelas empresas. Porém os ataques de phishing se mantêm com um grande potencial de sucesso e o internauta precisa prestar atenção a esta ameaça”, diz o especialista. 

Leia também: Golpes digitais aumentam na pandemia; veja as dicas do Google para se proteger

Como não cair em um ataque de phishing

Apesar de muito disseminados, os ataques de phishing são fáceis de serem evitados pelos usuários, bastando apenas alguns cuidados. Confira as dicas:

  • Desconfie de promoções boas demais para ser verdade ou mensagens muito alarmantes e urgentes;
  • Toda vez que receber links por e-mail, SMS ou WhatsApp, desconfie. Cheque se o endereço não parece suspeito ou estranho;
  • Antes de clicar em um link, veja se ele é exatamente o endereço do serviço que diz representar, sem erros de ortografia ou mudanças de letras. Um ‘i’ maiúsculo, por exemplo, pode facilmente ser substituído por um ‘l’ minúsculo;
  • Na dúvida, acesse a página oficial da empresa ao invés de clicar no link. As redes sociais da companhia também podem trazer informações sobre o tema. Por exemplo, se você recebeu uma promoção de uma loja online, vá diretamente ao site oficial da loja e procure pela oferta, ao invés de clicar no link recebido;
  • Na dúvida da veracidade do endereço, não insira seus dados pessoais.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tecnologia

Veja os 11 melhores recursos do Android 11

Publicado


source

Olhar Digital

Android 11
Reprodução/9to5Google

Veja os 11 melhores recursos do Android 11

O Android 11 já chegou em celulares Google Pixel e deve aparecer em mais aparelhos nas próximas semanas. Apesar de não conter nenhuma mudança radical de design, ou nada que altere completamente a forma de usar os dispositivos, a atualização possui algumas novas ferramentas interessantes. Aqui estão algumas delas:

1. Modo escuro automático e agendado

Adicionado pelo Google no Android 10 , o modo escuro agora apresenta a opção de ser habilitado automaticamente a noite e desligado de manhã. Além disso, você pode agendar um horário específico para que o modo escuro seja ligado ou desligado.

2. Fixar aplicativos no menu de compartilhamento

Usualmente apresentado em ordem alfabética, o menu de compartilhamento de conteúdo do Android 11 permite que você fixe seus aplicativos favoritos. A novidade não está presente em aplicativos que já apresentam menus customizados, como o Google Fotos . Além disso, as recomendações de compartilhamento ainda não podem ser desabilitadas.

3. Histórico de notificações

O Android 11 também adicionou uma nova página com histórico de notificações. Nela, o usuário pode pesquisar qual o aplicativo que mais o notifica ou checar algo que possa ter deixado passar. A página registra todas as notificações no aparelho recebidas nas últimas 24 horas.

4. Permissões temporárias

Em mais um passo importante para proteger a privacidade dos usuários, o Android 11 implementou permissões temporárias. Assim, aplicativos perdem acesso a certos recursos do seu celular assim que são fechados. A nova ferramenta é um bom complemento de recursos adicionados na última atualização, como o fim do acesso do clipboard em plano de fundo e a restrição de IDs de aparelhos.

5. Novos emojis

Algumas novas opções de emoji estão disponíveis no Android 11 . Um rosto com disfarce, corações e pulmões anatomicamente corretos e até mesmo um emoji ninja, estão entre as novidades. Também foram inseridos novos emojis de gênero neutro, depois dos apresentados no Android 10, além de novas representações transgêneras, com a bandeira e o símbolo da luta adicionados. Emojis antigos também foram redesenhados, ganhando novas sombras e contornos.

6. Android Auto sem fio

Com exceção de alguns aparelhos Google Pixel e Samsung , a maioria dos dispositivos com Android Auto requer um cabo USB para se conectar com um carro. O Android 11 muda isso e agora todos os celulares que suportam uma conexão Wi-Fi 5GHz podem utilizar o aplicativo sem precisar de fio.

7. Melhor suporte para telas curvas

Com boa parte dos novos aparelhos apresentando curvatura em suas beiradas, o Android 11 presta melhor suporte para esse formato, diminuindo distorções e complicações em alguns controles. A nova funcionalidade garante uma melhor eficiência de qualquer app em qualquer aparelho.

8. Controle de mídia

Possivelmente a alteração mais drástica do update move todo o controle de mídia do painel de notificações para a seção de configurações rápidas. Isso significa que o botão para limpar todas as notificações não fecha mais a mídia quando ela está pausada. A alteração permite que você volte do ponto onde parou em uma mídia pausada com mais facilidade.

9. Notificações e bolhas de conversação

Outra mudança está na possibilidade de separar as notificações de conversas de avisos de aplicativos de compra, jogos ou mídia. Além disso, conversações podem ser transformadas em “bolhas”, um recurso semelhante ao do Messenger do Facebook .

10. Gravação de tela com áudio

O recurso de gravação de tela do Android 11 agora também captura som. A ferramenta atualizada está disponível no menu de configurações rápidas. As opções de gravação, no entanto, continuam um pouco simplistas, não permitindo a customização de formato ou resolução.

11. Menu ligar/desligar

Além dos botões tradicionais de ligar, reiniciar e modo de emergência, o Android 11 agora apresenta uma tela inteira quando o botão de força é apresentado. O novo menu mostra um painel de controle para casas inteligentes e sua carteira virtual. No entanto, como o Google não exige que esse recurso seja implementado em todos os aparelhos, é possível que alguns dispositivos mantenham um formato mais simples.

Continue lendo

Tecnologia

China terá que aprovar acordo entre TikTok e Oracle, diz ByteDance

Publicado


source
TikTok
Unsplash/Solen Feyissa

TikTok ainda corre risco nos EUA

O governo chinês terá que aprovar o acordo entre TikTok e Oracle nos Estados Unidos , disse a ByteDance nesta quinta-feira (17), de acordo com a Reuters. Agora, além da aprovação de Donald Trump , a empresa chinesa aguarda também um posicionamento de Pequim. 

A proposta atual é de que a Oracle entre como parceira tecnológica do TikTok . A empresa de tecnologia seria responsável pelo processamento dos dados dos usuários, tirando os motivos que o governo Trump tem para acreditar que a ByteDance envia dados dos usuários do TikTok para o governo chinês. 

Além dos EUA, porém, a China também deverá aprovar o acordo. Na quarta-feria (16), Trump disse não ser favorável ao acordo que mantém a chinesa ByteDance no controle do TikTok . Seis parlamentares republicanos teriam pedido para ele rejeitar a proposta.

Do lado chinês, a ByteDance enfrenta críticas por parecer ceder à pressão dos EUA e negociar com empresas norte-americanas.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana