conecte-se conosco


Política MT

Aprovados em concurso público da Politec são convocados

Publicado


Foto: Marcos Lopes

Durante sessão plenária na Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (9), o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) anunciou a convocação de 14 aprovados a ocuparem o cargo de papiloscopista e três o cargo de técnico de necropsia, entre os aprovados no último concurso público da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), realizado em 2017. Os classificados serão destinados para as unidades dos polos regionais de Cuiabá, Rondonópolis, Tangará da Serra, Sinop e Cárceres.

O ato de nomeação já está na Secretaria da Casa Civil para assinatura do secretário-chefe Mauro Carvalho e do governador Mauro Mendes (DEM). “Soube que o documento já foi assinado pela Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) e Secretaria de Segurança Pública de Mato Grosso (Sesp). Quero também parabenizar os nossos desembargadores que analisaram este concurso da Politec, que já tinha tido o prazo vencido e foi homologado para até dezembro deste ano. Com essa decisão do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), agora vamos aguardar o chamamento de mais aprovados, pois este número ainda não é o ideal para atender as unidades do interior”, ressaltou o deputado.

De acordo com Elthon Teixeira, que já está na lista para ser chamado nos próximos dias para ocupar o cargo de papiloscopista, diz que é um momento de muito emoção já que desde 2017 aguarda essa nomeação, juntamente com outros 369 aprovados. “Quero agradecer o apoio prestado pelos deputados, principalmente ao Delegado Claudinei que possibilitou essas nomeações. Com certeza é um momento de muita emoção. São anos de espera e expectativas. Aquele esforço que você fez de estudar, entrar para o serviço público. Além disso tudo, você vai estar ajudando a sociedade, prestando um serviço que vai ser em benefício de todos. É muito orgulho de ser um dos nomeados”, expõe o classificado.

Já Fabrícia Viêro Wisniewski, aprovada ao mesmo cargo de Elthon e que não teve ainda o seu nome constado na lista, ficou feliz de ter saído a primeira relação de aprovados. “Depois de tanto tempo, ainda temos a esperança que até o mês de dezembro, prazo que encerra o concurso, ocorram mais nomeações. Há uma vacância de mais de 100 vagas na Politec. A gente sabe, inclusive, que já está na mesa da Seplag um outro pedido com mais de 60 vagas para fazer nomeações. Mas, até agora, não temos um posicionamento, estamos aguardando se o governador vai fazer essa também”, explica.

“A gente tem que agradecer o deputado Claudinei, em nome de todos os classificados desse concurso de 2017. A luta dele com a gente é do ano passado inteirinho e este ano. Todas as reuniões e as falas dele na Assembleia, as visitas que ele fez em todos os polos de Mato Grosso, foi o primeiro deputado que realizou isso, realmente. Então, a gente tem que agradecer muito o empenho dele. Isso é parte da conquista dele também. Vamos continuar lutando para ver se ocorre essa segunda grande nomeação de verdade para tentar resolver o déficit de pessoal na Politec”, cobrou Fabrícia.

Concurso – O concurso público da Politec que foi realizado em 2017 foi suspenso por 10 meses em 2020, sendo que no dia 8 de junho foi homologado no prazo de seis meses para a devida nomeação dos aprovados. O parecer final do TJMT apontou que há anos a instituição sofre com o déficit na quantidade de servidores públicos. Conforme a Associação Mato-Grossense dos Peritos Papiloscópicos do Estado de Mato Grosso a situação em  Cuiabá já estava em condições insustentáveis, com a falta de profissionais e, nas cidades do interior, chegava-se a ter um servidor para atender toda a regional e tendo que assumir diferentes atribuições.

O parlamentar aproveitou para agradecer e parabenizar o secretário de Estado de Planejamento e Gestão de Mato Grosso (Seplag), Basílio Bezerra Guimarães, pela transparência. “Primeiro quero tecer um elogio ao Basílio que é um dos secretários que sempre atende os deputados, respeita, retorna à ligação quando não dá para atender na hora e presta as informações verdadeiras – sejam positivas ou negativas – com transparência. Sem contar que dá o andamento nas informações que os deputados precisam”, declarou.

Ele acrescentou que não pertence à base governista e que secretário de Planejamento é imparcial neste quesito. “Parabéns ao Basílio que passou essas informações importantes. Muitas vezes ficam neste jogo de empurra, em que vai para a uma Secretaria ou outra e não resolve nada. E, na verdade, a maioria dos secretários do governo estadual atendem bem e respeitam os deputados, infelizmente, é a minoria que nós temos tido essa falta de compromisso e respeito. Eu sou prova disso”, frisou Claudinei.

Fonte: ALMT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política MT

Assembleia Social leva serviços de saúde e jurídicos a comunidade ribeirinha de Barão de Melgaço

Publicado


Mulheres com suspeita de câncer de mama receberam encaminhamento para mamografia em Cuiabá

Foto: LUIZ GERALDO MARCHETTI

Atendimento ocorreu por meio de senhas previamente entregues

Foto: LUIZ GERALDO MARCHETTI

A Assembleia Social deu início a uma nova modalidade de atendimento: a prestação de serviços comunitários por agendamento, uma adaptação dos mutirões – suspensos em função da pandemia – atendendo aos protocolos de biossegurança. A primeira edição da ‘Ação Assembleia Social’ foi realizada na última sexta-feira (18), na Colônia Z5 dos Pescadores, em Barão de Melgaço.

Na ‘Ação’, foram prestados serviços de ‘atendimento de saúde da mulher e da família’, ‘acolhimento psicológico’ e ‘orientações jurídicas’. A iniciativa foi promovida por solicitação dos representantes da Colônia Z5 dos Pescadores, que ficaram responsáveis por fazer os agendamentos prévios dos atendimentos e distribuir senhas.

“Essas ações são para levar às comunidades alguns serviços que oferecíamos nos mutirões, mas a pandemia chegou e precisamos restringir. Neste formato, pretendemos levar para vários municípios de nosso Estado, objetivando acolher cada dia mais a população”, contextualizou a diretora da Assembleia Social, Daniella Paula Oliveira.

O médico Miguel Angel Claros prestou atendimentos de saúde da mulher, como prevenção ao câncer de mama, e de saúde da família, como controle de hipertensão. As mulheres em que foi identificado risco de câncer de mama receberam agendamento para mamografia em Cuiabá. 

“A importância deste programa está em atender as necessidades dos munícipes do ponto de vista de saúde. Nós sabemos que a prevenção das doenças é o alicerce do bem estar de todo cidadão”, pontuou Dr. Miguel.

O pedido da comunidade ribeirinha de Barão de Melgaço foi atendido prontamente, em função do pouco acesso de serviços. Uma das usuárias da ‘Ação Assembleia Social’, Sueli Dias, levou os exames médicos da mãe idosa, para avaliação, destacando a dificuldade de deslocamento para atendimento na capital.

“Trazer esses trabalhos aqui para nós é muito bom, porque a gente tem uma comunidade muito carente e não é todo mundo que tem recursos para se deslocar a Cuiabá”, comenta Sueli. “A Colônia [de pescadores] está de parabéns pela parceria com a Assembleia [Legislativa de Mato Grosso] e espero que continue tendo [ações como esta], porque a nossa comunidade precisa desse apoio, precisa ser lembrada”, requereu.

Fonte: ALMT

Continue lendo

Política MT

Jaime lembra desistência da reeleição à prefeitura, mas diz que “sensação” é que Mauro disputará novo mandato

Publicado


Senador afirma que o governador deve decidir sobre reeleição somente em abril

O senador Jaime Campos (DEM), em conversa com jornalistas nesta segunda-feira (21), depois de audiência com o governador Mauro Mendes (DEM), no Palácio Paiaguás, para tratar de emendas, questionado sobre a disputa sucessória de 2022, apesar da recusa de Mendes em tratar do assunto neste momento, disse que tem a ‘sensação’ de que o democrata correligionário vai disputar a reeleição.

“Só quem pode afirmar se há o risco de não disputar a reeleição é o próprio Mauro. Política tudo é possível. Política é como nuvem, muda toda hora, daqui para ali, questão de segundos. Agora, tudo indica, a sensação que eu tenho, é de que possivelmente, ele será candidato à reeleição”, disse Campos.

Conforme o senador, “a questão política tem que ser tratada de forma institucional. O governador me disse, de ele vai, de fato e de direito, tratar dessa possibilidade de reeleição a partir do dia 5 de abril do ano que vem. Ele disse que não falou para ninguém que é candidato, e que o seu trabalho está focado em cima da gestão”, adiantou.

“Não posso afirmar se ele vai ser candidato, isso quem pode falar é só o próprio Mendes. Mas ele já provou, lá na eleição de prefeito, num determinado momento, em que o seu coração não queria, não foi candidato. Ele não vive de política, e cidadão que não vive de política, não é profissional de política, ele não tem nenhuma dificuldade”, recordou.

Para ilustrar, o senador também lembrou que já desistiu de disputar uma eleição. “Eu era candidato a senador, aprovado em convenção, quando senti que não era isso que eu queria, meu coração, fui lá e agradeci, deixei de ser candidato, fizemos muito bem. Voltei candidato quatro anos depois e fui eleito. Se eu fosse profissional, vivesse de política, não abriria mão dessa chance, até porque no dia em que deixei de ser candidato eu tinha 43% das intenções de voto, contra 21% do segundo colocado”.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana