conecte-se conosco


Agro News

Aprosoja parabeniza PJC por desarticulação de quadrilha de roubo de defensivos agrícolas

Publicado

Fortalecimento Institucional

Aprosoja parabeniza PJC por desarticulação de quadrilha de roubo de defensivos agrícolas

Associação solicita identificação de receptadores

13/12/2019

Presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT), Antonio Galvan, elogia e parabeniza o trabalho do Governo do Estado, que por meio das Polícias Judiciária Civil e Militar, tem desenvolvido importantes ações no combate às ações de criminosos em propriedades rurais.

Conforme Galvan, a operação “Fim da Linha” liderada pela PJC, que desarticulou a principal organização criminosa que atua em roubos de defensivos agrícolas no Estado, trouxe conforto aos produtores rurais.  “Temos que reconhecer o belo trabalho, principalmente de inteligência, das nossas polícias no combate a esse crime organizado. São ações extremamente importante para produção rural mato-grossense, que sofrem com a visita indesejada de quadrilhas com grande número de integrantes, com forte armamento e truculência”, pontuou.

Porém, o presidente da Aprosoja-MT acredita que é preciso localizar e punir os receptadores dos produtos roubados dos produtores rurais. “Se tem roubo é porque tem quem compre esses produtos. Nós acreditamos no trabalho da polícia e nos colocamos à disposição para contribuir na desarticulação da outra vertente dessa quadrilha, que são os receptadores. Produtores de soja e milho acreditam veementemente no trabalho da nossa polícia e queremos contribuir no que for possível”, afirmou Galvan.

Leia Também:  Ministra recebe propostas da CNA para o Plano Safra 2019/2020

Operação Fim da Linha – A Polícia Judiciária Civil, por meio da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), deflagrou na última quinta-feira (12.12), a operação “Fim da Linha”, com 16 ordens judiciais contra a principal organização criminosa especializada em roubos de defensivos agrícolas no Estado.

Os mandados foram cumpridos em 06 municípios de Mato Grosso: Cuiabá, Primavera do Leste, Poxoréu, Sinop, Sorriso e Lucas do Rio Verde. Cerca de seis pessoas alvos de mandados de prisão foram presas.

 

Fonte: Ascom Aprosoja

Assessoria de Comunicação

Contatos: Telefone: 65 3644-4215 Email: [email protected]

Fonte: APROSOJA
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Agro News

Galvan participa da Abertura Nacional da Colheita da Soja em Jataí

Publicado

Galvan participa da Abertura Nacional da Colheita da Soja em Jataí

O evento é considerado o maior da sojicultora brasileira

23/01/2020

O presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT), Antonio Galvan, participa nesta quinta-feira (23.01), no Parque de Exposições de Jataí (GO), da Abertura Nacional da Colheita da Soja safra 2019/2020. O evento é considerado o maior da sojicultora brasileira em que traz, pelo projeto Soja Brasil, uma ampla análise do clima. 
 
Para Galvan é um momento para celebrar a colheita da soja, que é uma das principais fontes de renda para o homem do campo. "Um evento extremamente importante, que dá a largada nacional da colheita dessa safra 19/20. Excelente organização do Canal Rural e Aprosoja Brasil, com enorme público, mais de mil pessoas.", destacou.
 
O Projeto Soja Brasil também trará uma análise bastante completa sobre as perspectivas para 2020, por meio de uma roda de conversa com os principais nomes do setor, liderados pelo analista de mercado André Pessôa.
 
Outro convidado especial, o pesquisador da Embrapa Adeney Bueno falará sobre a importância dos produtos biológicos para a agricultura atual. Ele mostrará a conjuntura atual desta alternativa mais sustentável para a principal cultura do país, a soja.
 

Fonte: APROSOJA
Continue lendo

Agro News

CENOURA/CEPEA: Preço tem expressiva alta neste início de ano

Publicado

Cepea, 23/1/2020 – Com a colheita da safra de verão consolidada, o ano de 2020 começa com expressiva alta dos preços da cenoura em todo o Brasil. Em São Gotardo (MG) e em Cristalina (GO), os valores subiram 212% na primeira quinzena de janeiro em relação à média de dezembro/19 (de R$ 8,00/caixa de 29 kg de "suja", cotação que se manteve praticamente estável desde outubro). A alta nos preços é reflexo da redução da oferta de cenouras em todo o País, consequência do clima quente e chuvoso nas principais regiões produtoras. Segundo colaboradores do Hortifrúti/Cepea, os principais problemas que vêm resultando em descartes são mela e pintas. Assim, a qualidade e a produtividade (na faixa de 65 t/ha na parcial de janeiro) das raízes estão insatisfatórias, o que dificulta atender à demanda por cenoura de qualidade. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: Diárias de Mercado
Leia Também:  Mais de 139 mil agricultores familiares da Bahia, Paraíba e de Minas Gerais vão receber Garantia-Safra este mês
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana