conecte-se conosco


Turismo

Aos pés de uma geleira, hotel na Noruega quer ser “o mais sustentável do mundo”

Publicado

Engajada em projetos de preservação da natureza, a Noruega irá inaugurar em 2021 o hotel mais sustentável do mundo. O Svart Glacier Hotel ainda está em construção e tem como objetivo não causar impactos negativos à natureza.

hotel arrow-options
Divulgação

Svart Glacier Hotel será o mais sustentável do mundo a partir de 2021

Leia também: As atrações turísticas mais inusitadas na Noruega

Instalado em frente a geleira de Svartisen, o hotel foi inspirado nas construções costeiras tradicionais, é arredondado, espelhado e ficará apoiado em madeira. A ideia é que a vista panorâmica para as montanhas também proporcione aos hóspedes visualizar a aurora boreal durante a temporada de inverno.

Mas por que o Svart se considera o hotel mais sustentável do mundo? De acordo com a divulgação no site oficial da hospedagem, o local terá uma diminuição de 85% em consumo de energia durante o ano e colherá energia solar suficiente para construir o edifício e abastecer todas as áreas do hotel.

Veja algumas fotos do projeto na Noruega :

hotel arrow-options
Reprodução/ site svart.no

O Hotel fica aos pés da geleira Svartisen, na beira de um lago

hotel arrow-options
Reprodução/ site svart.no

O interior do Svart Glacier Hotel

Leia também: Economizar na Noruega? Veja 10 dicas para aproveitar o país gastando pouco

O que achou do hotel mais sustentável do mundo? Faria uma visitinha? Nenhum prazo ou valor de estadia foram divulgados ainda.

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Turismo

Parques da Disney reabrem no fim de semana

Publicado


source
Covid-19
Divulgação

Todos os visitantes do Walt Disney World terão suas temperaturas medidas; uso de máscara é obrigatório

Ainda que os Estados Unidos estejam batendo recordes de novas infecções causadas pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2), a reabertura dos parques da Disney continua marcada para o próximo sábado (11). Até o momento, o país registra 3,1 milhões de casos da doença. Mais de 134 mil pessoas já faleceram.

Leia também:

A decisão de manter a reabertura para o próximo fim de semana causou desconfiança, uma vez que o estado da Flórida – onde a Disney tem um de seus maiores parques – anunciou que está sem leitos de UTI.

O Walt Disney World funcionará com capacidade reduzida, ainda que funcionários estejam clamando por um adiamento da reabertura. Segundo a diretora-médica da Disney, Pamela Hymel, todos os visitantes passarão por uma triagem de temperatura. O uso de máscaras também será obrigatório. 

Fonte: IG Turismo

Continue lendo

Turismo

Blogueira passa uma semana em navio de carga para sair de ilha na pandemia

Publicado


source
Eva zu Beck
Reprodução/Youtube/Eva zu Beck

Eva zu Beck


Eva zu Beck, uma blogueira de viagens, passou por um perrengue e tanto por conta da pandemia do novo coronavírus. Ela relatou em seu  canal no YouTube que ficou presa em uma ilha do Iêmen e que viveu uma saga de seis dias navegando em um navio de carga para os Emirados Árabes para conseguir, enfim, pegar um voo para sua casa, na Polônia. 

A história de Eva, que foi parar no jornal britânico DailyMail , começou em março deste ano. Ela chegou a Socotorá, no Mar Arábico, em um vôo comercial do Cairo e lutou para encontrar uma maneira de voltar para casa depois que a ilha fechou devido à pandemia. Com vôos não autorizados a pousar no local, as únicas opções comerciais eram navegar para Omã, que havia fechado suas fronteiras, ou para o continente, que Eva acreditava ser arriscado devido à crise da saúde e à guerra civil.

Então Eva passou semanas procurando um caminho de casa, até que recebeu a passagem de um navio de carga para o Oriente Médio. A jornada, documentada no canal do YouTube de Eva, levou seis dias e o grupo foi obrigado a passar mais oito dias a bordo do navio na costa dos Emirados Árabes cumprindo quarentena antes de poder transitar e pegar um voo para casa.

“Eu sabia que se eu ficasse lá corria o risco de ficar presa lá até o outono. Meus amigos e eu passamos cerca de um mês tentando encontrar uma saída da ilha desde o início de maio”, contou Eva em seu canal. Agora, ela já está sã e salva na Polônia.


Fonte: IG Turismo

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana