conecte-se conosco


Mato Grosso

Agricultores de 42 municípios serão beneficiados com novas Patrulhas Agrícolas; investimento de R$7,6 milhões

Publicado


.

O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (SEAF) recebeu nesta sexta-feira (14.08), a entrega técnica dos 42 tratores agrícolas adquiridos da Empresa Suprema Comércio de Máquinas Ltda.

O maquinário foi licitado em dezembro do ano passado e integram as 42 patrulhas agrícolas que serão entregues aos municípios para o fortalecimento da agricultura familiar.

O investimento conta com recursos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) no valor de R$ 4.895.383,10, e contrapartida do Governo do Estado de R$ 2.791.304,10, totalizando R$ 7.686.687,50 em investimentos.

Cada patrulha é composta por um trator agrícola 4×4 com potência de 110 CV (Marca CASE), uma carreta basculante com capacidade para seis toneladas e uma grade aradora com 18 discos de 28 polegadas.

O maquinário, destinado para uso exclusivo da agricultura familiar, faz parte do Programa ‘MT Produtivo Patrulhas Agrícolas’ e permanecerá estacionado no pátio do 10º Batalhão da Polícia Militar, localizado no Ginásio Aecim Tocantins, até o final do período eleitoral, que terá início neste sábado (15.08). Entre as condutas vedadas à Administração Pública durante o período eleitoral, está a distribuição ou transferência de bens e recursos públicos, com exceção nos casos de calamidade pública, estado de emergência ou aqueles destinados à execução de programas sociais.

“Temos trabalhado de maneira incansável para atender a todos os mato-grossenses, mas temos olhado de maneira muito especial, de forma mais sensível para aqueles que precisam de maior apoio do Estado para avançar. Estamos atentos aos nossos agricultores familiares e temos plena consciência de que a mecanização agrícola se tornou um dos principais aliados do agricultor na otimização dos resultados no campo”, definiu o governador Mauro Mendes.

Silvano Amaral, secretário da SEAF, destacou como uma importante conquista para a agricultura familiar.

“Quero agradecer a nossa bancada federal em nome de todas as famílias que serão beneficiadas com a entrega dos equipamentos. E dizer que sem o apoio de uma bancada forte e sem a sensibilidade de um grande líder, como é o governador Mauro Mendes, certamente não estaríamos hoje comemorando mais essa grande conquista da agricultura familiar de Mato Grosso”,

Entre as vantagens da mecanização do campo está o aumento significativo da produtividade, a facilidade no manejo da lavoura, o preparo adequado do solo para culturas específicas, e a economia de tempo em operações simples do dia a dia. A mecanização também é determinante na garantia de competitividade aos produtos da agricultura familiar. As patrulhas agrícolas serão destinadas para uso exclusivo da agricultura familiar e promoção das cadeias produtivas desenvolvidas no interior do Estado.

Fonte: GOV MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Setasc realiza Webinário para discutir violações de direitos dos idosos

Publicado


Em alusão ao Dia Nacional do Idoso e Dia Internacional da Terceira Idade, comemorado no dia 1º de outubro, a Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), por intermédio da Secretaria Adjunta de Assistência Social (Saas), promove o Webinário da Série de Colóquios sobre “Violações de Direitos: Estratégias de enfrentamento em Tempos da Pandemia Covid-19”. O evento é voltado para gestores e trabalhadores do Suas e demais atores interinstitucionais interessados no tema e será transmitido canal no YouTube, o Setasc Comunica.

O tema da Live será “Violações de direitos aos Idosos em tempos da Pandemia Covid-19” que se realizará nesta quinta-feira (01.10), das 09h às 11h (horário de Cuiabá-MT). O objetivo é possibilitar um espaço de discussão e reflexão sobre os grupos socialmente vulneráveis e as estratégias de enfrentamento às violações de direitos no âmbito do Sistema Único de Assistência Social (Suas) para o fortalecimento da ação em rede, a fim de mitigar os impactos da pandemia da COVID-19, causada pelo novo coronavírus.

Participarão da live a professora doutora pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Janaína Carvalho Barros e a Mestra em Política Social pela UFMT, Lidiane Patricia Ferreira e Silva Leite – que atualmente ocupa o cargo de Superintendente de Gestão de Pessoas na Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) e conselheira no Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (Cededipi).  A secretária executiva de Conselhos da Setasc, Marilu Monteiro Guimarães Neto, e a superintendente de Serviços Socioassistenciais da Setasc, Cristina Setsuco Saito, serão mediadoras do evento.  

Números

Dados compilados pela Vigilância Socioassistencial de Mato Grosso, através do Cadastro Único e do Relatório Mensal Anual do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e Centro de Referência de Assistência Social (Cras), no mês de julho de 2020, no Cadastro Único havia um total de 183.481 idosos cadastrados em todo o Estado, o que equivale a 13% do total das pessoas cadastradas. Aproximadamente 14% (29.875) do total de idosos cadastrados possuem algum tipo de deficiência.

Data

O Dia Nacional do Idoso foi instituído para homenagear as pessoas idosas, comemorando as suas conquistas e fomentando a importância da conscientização e reflexão da população, acerca das necessidades dos idosos, com destaque para as políticas públicas de proteção e atenção às questões do envelhecimento. 

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Decreto de calamidade não será prorrogado e servidores em teletrabalho podem requerer retorno às atividades presenciais

Publicado


O Governo do Estado não irá prorrogar o decreto de calamidade, cuja vigência termina nesta quarta-feira (30.09). Com a medida, os servidores do Poder Executivo Estadual pertencentes ao grupo de risco e que estão em regime de teletrabalho podem optar voluntariamente pelo retorno às atividades presenciais.

O Decreto nº 658 foi publicado em edição extra do Diário Oficial desta quarta-feira e estabelece ainda que servidores integrantes do grupo de risco também podem, no prazo de dez dias, apresentar requerimento formal e comprovação documental para permanecer em teletrabalho.

A decisão levou em conta a redução no número da média móvel de casos confirmados de Covid-19, de hospitalizações (taxa de ocupação está em 59,51% para UTIs e em 29% para enfermarias) e de óbitos em Mato Grosso.

Assim, fica restabelecida a jornada regular de trabalho de 6 ou de 8 horas diárias, com o retorno de todos os servidores ao trabalho presencial.

Para tanto, medidas de prevenção permanecerão em vigor. Somente será permitida a circulação de pessoas nos prédios públicos do Poder Executivo do Estado de Mato Grosso mediante a utilização de máscara facial.

Também, deverá ser priorizado o atendimento por meio eletrônico ou telefônico. O atendimento presencial, quando necessário, deverá ser preferencialmente precedido de agendamento para evitar a aglomeração de pessoas no estabelecimento, mantendo o distanciamento recomendado de 1,5m entre as pessoas, respeitando as normas de segurança e vigilância sanitária.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana