conecte-se conosco


Policial

Adolescente envolvido em homicídio de jovem em Jauru é localizado por policiais civis em Colniza

Publicado

Investigadores da Delegacia da Polícia Civil de Colniza, na região noroeste de Mato Grosso, localizaram nesta sexta-feira (10.06) um adolescente que estava com mandado de internação decretado pela Justiça por envolvimento no homicídio de um jovem em Jauru, região oeste do estado.

O adolescente foi localizado em um hotel da cidade depois que os policiais civis receberam informações de que ele estaria em Colniza e monitoraram o local. Ele foi conduzido à delegacia para o registro do mandado judicial e depois será encaminhado a uma unidade do Sistema Socioeducativo.

Ele é um dos sete investigados que tiveram as prisões (cinco adultos) e mandados de internações (dois adolescentes) deferidos pela Justiça no inquérito instaurado pela Delegacia de Jauru para apurar o desaparecimento do jovem João Felipe dos Santos Bogea, 23 anos.

Os envolvidos respondem pelos crimes de tortura, homicídio qualificado, ocultação de cadáver, corrupção de menores e organização criminosa. Joao Felipe desapareceu em fevereiro deste ano, depois de ser sequestrado, torturado e morto.

Restos mortais

As equipes da Polícia Civil empregaram quatro meses de diligências em campo, análise de perícias e levantamento de informações para esclarecer o desaparecimento da vítima.

As investigações coordenadas pelo delegado Antônio Carlos Pinzan Junior resultaram na prisão, até o momento, de cinco adultos envolvidos no crime e cumprimento dos mandados de internação de dois adolescentes.

Na quinta-feira, 09 de junho, a equipe da Delegacia de Jauru, com apoio de um grupamento de buscas e resgate com cães do 2ª Batalhão do Corpo de Bombeiros e da Secretaria de Obras do município, realizou buscas em depósito de entulhos da cidade e localizou restos mortais que indicam ser de João Felipe Bogea.

O delegado Antônio Pizan Jr, explicou que a área onde o corpo foi localizado foi isolada para o trabalho da Politec e o material encaminhado à perícia forense para o confronto de material genético e confirmação da identidade da vítima.

“O inquérito policial será finalizado nos próximos dias e encaminhado ao Poder Judiciário com cópia ao Ministério Público Estadual. Os envolvidos serão indiciados por tortura, homicídio qualificado, ocultação de cadáver, corrupção de menores e organização criminosa”, destacou o delegado.

Leia mais sobre o assunto:

http://www.pjc.mt.gov.br/-/22238397-buscas-localizam-cadaver-em-deposito-de-entulhos-que-pode-ser-de-jovem-torturado-e-morto-em-jauru

http://www.pjc.mt.gov.br/-/22179583-sete-envolvidos-na-morte-de-jovem-em-jauru-tem-prisoes-e-internacoes-cumpridas-pela-policia-civil

Fonte: PJC MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Policial

Polícia Civil apreende duas armas de fogo, várias munições e prende um suspeito em Cáceres

Publicado

Policiais civis, da 1ª Delegacia de Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá), apreenderam duas armas de fogo e diversas munições, na manhã desta segunda-feira (04.07), durante averiguação de denúncia anônima.

Uma das armas apreendidas é uma pistola Taurus de calibre .40, furtada de um policial civil em Cuiabá.

Um suspeito, de 36 anos, foi autuado em flagrante pelos crimes de posse irregular de arma de fogo de uso permitido e posse ilegal de arma de fogo de uso restrito ou proibido.

Após receber informações sobre um sítio localizado próximo a região conhecida como “Chapadinha”, em Cáceres, onde estariam escondidos integrantes de facção criminosa, a equipe passou a monitorar o local.

Durante o trabalho de campana, foi verificada movimentação intensa de pessoas no endereço, razão pela qual na manhã desta segunda-feira (04) os policiais civis se aproximaram da propriedade.

Ao serem recebidos, o morador autorizou a entrada na residência e, nas buscas, foi localizada uma pistola Taurus modelo 840 e oito munições,  além de uma espingarda de calibre 22, com munições.

Em checagem, foi constatado que a pistola era produto de furto ocorrido em Cuiabá, tendo como vítima um policial civil. 

Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido à 1ª Delegacia de Cáceres, interrogado pelo delegado Marlon Nogueira e autuado em flagrante delito. Após a confecção dos autos, o preso foi colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Polícia Civil incinera 300 quilos de entorpecentes em Rondonópolis

Publicado

A Polícia Civil incinerou nesta segunda-feira (04.07), em Rondonópolis, mais 300 quilos de entorpecentes apreendidos no semestre. A queima da droga é autorizada pela Justiça após realização de perícia pela Politec.

O material incinerado pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Rondonópolis é resultado de apreensões realizadas pelas forças de segurança em ações policiais no município.

Esta é a quinta incineração em 2022 realizada pela Derf e já alcançou quase 2,5 toneladas de entorpecentes queimados, entre maconha, cocaína, pasta base e drogas sintéticas.

O ato faz parte da Operação Narco Brasil, coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública no combate ao tráfico de drogas, incineração de entorpecentes e cerco ao crime organizado com auxílio das forças policiais federais e dos 26 estados e o Distrito Federal.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana