conecte-se conosco


Registro Geral

Acusado de agredir esposa, Pivetta levou sorte com operação da PF, em Cuiabá

Publicado

Vice-governador, Otaviano Pivetta, e a esposa, Viviane Kawamoto: após briga em cidade praiana de Santa Catarina, o casal foi parar na Delegacia de Polícia

O vice-governador, Otaviano Pivetta (sem partido), é mesmo um homem sortudo. No epicentro de escândalo envolvendo violência doméstica, ele foi acusado de agredir a esposa, Viviane Cristina Kawemoto, no último dia 7, em Itapema (SC), o empresário viu seu caso abafado por conta de uma operação da Polícia Federal nesta sexta-feira (30), na Capital. Como a bomba contra Pivetta estourou ontem (29), no dia seguinte os federais deflagraram pesada investigação contra gestores da Saúde Pública de Cuiabá, com direito a busca e apreensão e afastamento de secretários do Alencastro. Resumindo: um fato sobrepôs o outro, o que tirou o vice-governador das manchetes. Com a chegada do final de semana, basta Otaviano ficar pianinho em casa para acalmar os ânimos, e vida que segue na segunda-feira.

publicidade
1 comentário

1 comentário

  1. Ezequias Morales disse:

    Todos nós da equipe de Governo sabemos que infelizmente o nosso Vice Governador Otáviano Piveta, sempre foi depressivo e violento, e o remedio que ele toma para contra-lo, não combina com Whisk, e lamentavelmente nas sua férias em 7 de Julho lá na Praia Itapema em S.C ele fez essa combinação, e deu no que deu, agrediu violentamente a sua esposa Viviane, após um pequeno desintendimento familiar, e ela chamou a POLICIA, e lá na Delegacia foi feita um B.O e o nosso companheiro PIVETA teve que pagar fiança, de R$6.600 reais para não ser preso. Com isso dificilmente ele terá condições morais de ser candidato a VICE ou ao SENADO.Chato não …

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Registro Geral

Advogado e ex-vereador morre vítima de câncer aos 45 anos, em Rondonópolis. OAB lamenta

Publicado

Morreu neste domingo (26) em decorrência de um câncer no cérebro, o advogado Célio Paião, aos 45 anos. Ele era morador de Rondonópolis e teve a doença diagnosticada em dezembro de 2020. Célio era natural de Goiás, onde já havia sido vereador e professor na rede pública de História, sua outra formação, além de Direito. Ele era divorciado e deixa uma filha e netos, além de muitos amigos, inclusive entre alunos e ex-alunos.

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT) emitiu nota onde descreve Célio como uma pessoa alegre, comunicativa e popular, que ajudava a muitos com a Advocacia e pessoalmente. A instituição “lamenta a morte precoce e se soma à Primeira Subseção de Rondonópolis que também emitiu pesar, enviando condolências aos enlutados”. O velório e sepultamento ocorrerão no Estado de Goiás, onde moram os familiares do advogado.

 

Continue lendo

Registro Geral

Novos delegados da Polícia Civil serão empossados na próxima terça-feira em Cuiabá

Publicado

O Governo de Estado, por meio da Secretaria de Estado de Segurança Pública, empossa na próxima terça-feira (28), os novos delegados da Polícia Civil, nomeados no Diário Oficial publicado do dia 13 de setembro de 2021. A posse será às 10 horas, no auditório da Diretoria Geral da Polícia Civil, em Cuiabá, e contará  somente com a presença das autoridades da segurança pública. Os novos delegados de polícia ingressarão no 17º Curso de Formação Técnico-Profissional com aproximadamente 700 horas/aulas, ministrado pela Academia de Polícia Civil. Após a formação os profissionais serão lotados nas delegacias do interior do estado.

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana