conecte-se conosco


Policial

Oito vítimas do acidente entre ônibus e carreta foram identificadas; veja nomes

Publicado

 

Oito das doze vítimas fatais do grave acidente ocorrido no final da manhã de terça-feira (17) no km 799 da BR-163, em Vera (458 km de Cuiabá), foram identificadas pelo Instituto Médico Legal (IML) do município de Sinop (500 km de Cuiabá). A tragédia envolveu um ônibus da empresa Itamarati que saiu de Cuiabá com destino a Sinop e uma carreta. O condutor do veiculo de carga não teve ferimentos.

Sidnei Oliveira Cardoso e o filho dela, Carlos André

As vítimas fatais envolvidas são a professora da rede estadual Sidinei Oliveira Cardoso, de 48 anos, e o filho dela, Carlos André,11; Brenda Nunes Ronsoni, 24 anos; Pedro Henrique Rodrigues Leal Pinto, 21 anos; Alfredo Lopes da Silva, 65 anos, e a esposa dele, Maria Carneiro, 61 anos; Deborah Costa, 21 e Clayton Silva, 37 anos. O motorista do ônibus Edmilson Pereira Campos, teve o braço esquerdo decepado e está internado em estado grave em um hospital.

Pedro Henrique Rodrigues Leal Pinto e Brenda Nunes Ronsoni

Clayton Silva era servidor público estadual e atuava como papiloscopista na Gerência de Identificação de Sinop. Clayton morava em Nova Mutum e estava indo à Sinop, onde cumpriria a escala de plantão. Ele foi socorrido com vida, porém não resistiu, vindo a falecer no Hospital Regional de Sorriso.

As causas do acidente ainda serão apuradas. No entanto, informações preliminares levantadas pelo perito Leandro Valendorf no local do acidente apontam que em uma das pistas tem uma marca de frenagem produzida pelo ônibus. Esse detalhe permitiu  identificar que o ônibus trafegava no sentido Sorriso – Sinop, e a carreta no sentido oposto, quando o ônibus invadiu a faixa e produziu a colisão na lateral da carreta.

Lista: 

Edmilson Pereira Campos (motorista do ônibus),

Sidinei Oliveira Cardoso

Carlos André

Brenda Nunes Ronsoni

Pedro Henrique Rodrigues Leal Pinto

Alfredo Lopes da Silva

Maria Carneiro

Deborah Costa e Clayton Silva

Clayton Silva

publicidade
1 comentário

1 comentário

  1. Silmara disse:

    Meus sentimentos as famílias iluntadas

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Policial

Empresário é preso em Cuiabá por estuprar adolescente de 17 anos filha da namorada; vítima estava bêbada

Publicado

Um empresário do mercado financeiro, suspeito de estuprar a filha de sua namorada, teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, na manhã desta terça-feira (5), dentro de investigação realizada pela Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica).

O suspeito de 37 anos aproveitou o fato que a vítima de 17 anos estava sob o efeito de álcool para praticar o estupro e estava com a prisão decretada pela Justiça com base nas investigações da Deddica pelo crime de estupro de vulnerável. Ele possui passagens anteriores por crimes de ameaça e violência doméstica.

O fato ocorreu no dia 11 de maio após o suspeito, a namorada e a menor passarem a noite ingerindo bebida alcoólica em um bar da Capital. No final da noite, ocorreram desentendimentos entre a filha, a mãe e o namorado, ocasião em que a mulher foi embora com um casal de amigos.

O suspeito levou a vítima para casa dele e aproveitou o estado de embriaguez da menor para manter relação sexual com ela. Dias depois, ele entrou novamente em contato com a vítima, e pediu para buscá-la na escola, perguntando se ela estava arrependida e que não era para contar para ninguém.

Após saber dos fatos, a mãe da menor procurou a Polícia e também foi até a casa do namorado para buscar seus pertences, ocasião em que foi ameaçada pelo suspeito, que possui uma arma de fogo.

Assim que a equipe da Deddica foi acionada, iniciou as investigações e intimou o suspeito na época dos fatos para comparecer a delegacia, porém ele não foi localizado. Diante das evidências, foi representado pelo mandado de prisão preventiva do investigado, que foi deferido pela Justiça.

O suspeito se apresentou na manhã desta terça-feira (05) na Deddica, ocasião em que estava com o mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça, o qual foi devidamente cumprido.

 

Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende empresário suspeito de estuprar adolescente filha de namorada

Publicado

Um empresário do mercado financeiro, suspeito de estuprar a filha de sua namorada, teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, na manhã desta terça-feira (05.07), dentro de investigação realizada pela Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica).

O suspeito de 37 anos aproveitou o fato que a vítima de 17 anos estava sob o efeito de álcool para praticar o estupro e estava com a prisão decretada pela Justiça com base nas investigações da Deddica pelo crime de estupro de vulnerável. Ele possui passagens anteriores por crimes de ameaça e violência doméstica.

O fato ocorreu no dia 11 de maio após o suspeito, a namorada e a menor passarem a noite ingerindo bebida alcoólica em um bar da Capital. No final da noite, ocorreram desentendimentos entre a filha, a mãe e o namorado, ocasião em que a mulher foi embora com um casal de amigos.

O suspeito levou a vítima para casa dele e aproveitou o estado de embriaguez da menor para manter relação sexual com ela. Dias depois, ele entrou novamente em contato com a vítima, e pediu para buscá-la na escola, perguntando se ela estava arrependida e que não era para contar para ninguém.

Após saber dos fatos, a mãe da menor procurou a Polícia e também foi até a casa do namorado para buscar seus pertences, ocasião em que foi ameaçada pelo suspeito, que possui uma arma de fogo.

Assim que a equipe da Deddica foi acionada, iniciou as investigações e intimou o suspeito na época dos fatos para comparecer a delegacia, porém ele não foi localizado. Diante das evidências, foi representado pelo mandado de prisão preventiva do investigado, que foi deferido pela Justiça.

O suspeito se apresentou na manhã desta terça-feira (05) na Deddica, ocasião em que estava com o mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça, o qual foi devidamente cumprido.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana