conecte-se conosco


Policial

Ação integrada da polícia recupera 95 cabeças de gado furtadas em Poconé

Publicado

Os animais haviam sido furtados de uma fazenda em Alto Paraguai [PMMT]

Policiais militares da 6ª Companhia de Poconé (a 104 km de Cuiabá) e equipe do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) recuperaram nesta quinta-feira (25), 95 cabeças de gado. Os animais foram furtados na cidade de Alto Paraguai, na terça-feira (23). O responsável em articular o furto foi identificado.

Conforme o boletim de ocorrência, os agentes foram informados que os animais estariam em uma fazenda próximo da cidade de Cáceres, cerca de 20 km de Poconé.

No local, os policiais encontraram o cunhado do proprietário dos animais. Ele contou que logo que soube do crime mandou mensagem em um grupo de motoristas de caminhão boiadeiro via aplicativo de conversa. Um dos membros disse que tinha sido contratado para transportar a boiada, mas desconhecia ser furtada.

Os policiais foram até o local onde os motoristas que fizeram o serviço estavam e, confirmaram o ocorrido. O grupo contou que estranhou porque a todo o momento o homem que contratou o serviço gritava para carregar rápidos os caminhões. Desconfiaram também, porque, não houve o cuidado em separar as vacas, bois, bezerros e novilhas. Além dos animais estarem com marcas diferentes.

A equipe do Gefron foi até a propriedade e confirmou que a boiada era a mesma que havia sido furtada. O proprietário e vaqueiros contaram 95 cabeças de gado com a sua marca que foram levados de volta a sua propriedade.

Os agentes realizaram diligências e buscas pela região, mas nenhum suspeito foi localizado.

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

Operação limpa pichações relacionadas a facção criminosa em Primavera do Leste

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

As forças de segurança de Primavera do Leste (231 km ao sul de Cuiabá) deflagraram uma operação para apagar escritas de apologia ao crime organizado em muros e residências e outros pontos do município. A ação realizada, nesta sexta-feira (14), contou com a participação das equipes da Polícia Civil, Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal (PRF) e apoio do Grupo de Comando de Ação Rápida (CAR).

A operação integrada denominada “Riscando do Mapa” foi realizada em parceria com Poder Público Municipal e Ministério Público percorrendo pontos mapeados pela Inteligência e Agência Regional do Comando Regional que verificaram os locais em que estavam as escritas.

Segundo a delegada da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Primavera do Leste, Anamaria Machado. a operação tem o objetivo de mostrar à sociedade que as forças de segurança estão atuando no combate a possíveis facções e organizações criminosas e que os trabalhos de combate à criminalidade na cidade trazem a sensação de tranquilidade à população.

“A operação vem para demonstrar que a segurança pública está combatendo qualquer tipo de atuação de facções criminosas, através de investigações, ações ostensivas. A ação de hoje tem o objetivo de reprimir a divulgação desses grupos criminosos em trabalho realizado junto a Prefeitura, Ministério Público e Poder Judiciário, demonstrando à sociedade o trabalho das forças de segurança no combate ao crime organizado”, disse a delegada.

De acordo com o tenente-coronel Cleiton, comandante do 14º Batalhão da PM., a operação reafirma a atuação das forças de segurança no combate a atuação das associações criminosas. “O estado está reafirmando a sua soberania dentro do município de Primavera do Leste, assim como nos demais municípios subordinados ao 11º Comando Regional, ao 14º Batalhão da Polícia Militar, onde temos as cidades de Poxoréu a Gaúcha do Norte, esse trabalho”, disse o comandante.

 

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Foragido da Justiça do Paraná pelo crime de estupro é localizado na região Norte de MT

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Alta Floresta (808 km ao norte de Cuiabá) cumpriu na manhã desta sexta-feira (14.08) um mandado de prisão preventiva expedido contra um homem de 51 anos, suspeito pela prática de crimes de estupro.

Após investigações, os policiais apuraram que o suspeito mantinha uma vida normal na cidade de Alta Floresta, onde trabalhava e morava com sua família.

Ao ser localizado pelos policiais civis, o homem não ofereceu resistência. Conforme dados do Banco Nacional de Mandados de Prisão, a ordem de prisão foi expedida pelo Tribunal de Justiça do Paraná em 2013.

O homem será encaminhado à cadeia pública de Alta Floresta, onde aguardará outras determinações do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana