conecte-se conosco


Entretenimento

A influência de João Gilberto

Publicado

IstoÉ

A influência de João Gilberto arrow-options
Divulgação

A influência de João Gilberto

João Donato, cantor e compositor

Para Donato, João Gilberto é uma influência no mundo inteiro. “Quando cheguei nos EUA, nos anos 60, os americanos me perguntaram ‘o que ele está falando?’ Eles não entendiam o português do João, ficavam intrigados mas mesmo assim diziam: ‘a gente gosta tanto!’. Ele afirma que o que era mais atraente era a doçura de sua voz, sua sonoridade e maciez – a qual descreve como “acariciante” e “balsâmica”. “Como dizem naquela música ‘When you speak love’, fale baixinho quando estiver falando de amor, não precisa gritar. Todos cantavam com vozeirão, aí o João chegou com uma voz fraquinha, pequena, mas de propósito”.

Ele diz que a primeira letra de suas músicas foi escrita por João Gilberto  . Minha saudade  de 1958. Ele afirma que João escolheu viver sozinho nos últimos anos de vida, mas que isso não é um problema, que foi opção dele. “Ele escolheu esse caminho como o homem que vive no alto da montanha do Tibete, do Himalaia. Deve ser isso, ele preferiu essa vida de monge, de ermitão, de solidão.”

Sobre o fim com pendências financeiras, Donato afirma que João “não foi o primeiro nem será o último a não saber isso”. Ele se recorda de uma das extravagâncias de João, a quem se refere como “mão aberta”.

“Ele mandava coisas para mim que eu nem pedia, por táxi, dentro de uma caixa de sapato embrulhada. Coisas como dólares, cannabis, uma série objetos só porque achava que ele tinha que fazer isso.” Ele conta que esses presentes não vinham em situações especiais, que eram gentilezas.

Leia também: Jornais de todo o mundo destacam a influência de João Gilberto e da bossa nova

Rodrigo Faour, pesquisador e escritor

João Gilberto estilizou uma maneira diferente de passar o sentimento arrow-options
Divulgação

João Gilberto estilizou uma maneira diferente de passar o sentimento

“Ele estilizou uma maneira diferente de passar o sentimento, de dividir o ritmo e de dosar o canto.” Faour afirma que outros anteriores a João Gilberto faziam isso, como Dick Farney, Lucio Alves e Doris Monteiro, mas que João “deu o acabamento definitivo”.

Mesmo não sendo médico, Faour afirma que o perfeccionismo de João relembrava algo como um transtorno obsessivo-compulsivo, mas que isso não quer dizer que ele não fosse amável e afável. “Era um sujeito que vivia num mundo paralelo, não era autodestrutivo como os outros, tinha um problema psicológico diferente que foi se agravando com o tempo, talvez uma espécie de TOC com síndrome do pânico”.

Ele diz que o complexo de vira-lata do Brasil cresceu ao longo dos anos. “Nós nunca soubemos valorizar muito a nossa cultura, principalmente, os extremos: seus aspectos mais folclóricos e os mais sofisticados porque para isso é preciso ter um pouco mais de educação e cultura. E a bossa nova se encaixa nesse segundo nicho”. Para ele, apesar disso, a “semente da Bossa Nova” se pulverizou e está em outros gêneros da musica brasileira e da internacional.

Leia Também:  Record supera Globo mesmo com programação ruim

Leia também: Famosos e familiares se despedem de João Gilberto, o pai da bossa nova

Ruy Castro, escritor

Para Ruy Castro, os discos de João Gilberto são o que há de mais perfeito arrow-options
Divulgação

Para Ruy Castro, os discos de João Gilberto são o que há de mais perfeito

Para Ruy, os discos de João Gilberto são o que há de mais perfeito que um cantor poderia gravar. “Se os ouvíssemos com a atenção que eles merecem, todos nós que trabalhamos com música seríamos melhores pessoas.”

Para ele, apesar do que é dito por aí, é que João gerenciou perfeitamente sua carreira, mas que “só fez o que quis”. “Poderia ter gravado discos com Tom, Donato, Caymmi. Songbooks de compositores que admirava”.

Ele espera que tenha gravado algo nos últimos 20 anos de vida, e que alguém de sua confiança tenha gravado e eventualmente lance um disco com tais composições. “Mas será que é bom?”, perguntará alguém. E eu direi: “Tenho certeza. Pelo que sei, ele cantava para as paredes como se cantasse no Municipal” – prevê.

Quando perguntado porque o Brasil não conseguiu usar a Bossa Nova para se consolidar como atração turística – a exemplo do que é feito com o Jazz em Nova Orleans, por exemplo – Ruy é categórico: “Porque o Brasil, meu caro, nesse departamento, é uma merda.”

Toquinho, cantor e compositor

“A importância de João Gilberto transcende a própria Bossa Nova. Contemporâneo do futuro, conservava desde os primeiros discos o samba de raiz em seu repertório”, dizendo também que algumas de suas composições faziam o passado levitar – impulsionado pela voz suave e a batida transformadora.

“O universo musical mudou depois de João Gilberto. A bossa e o novo são ele. Ninguém esquece o exato momento em que ouviu pela primeira vez “Chega de saudade”.

Toquinho acredita que “o mundo passou a cantar o Brasil” após a Bossa Nova, e que o ritmo era inovador apesar da simplicidade e da pureza vocal do gênio. Para ele, João buscava a perfeição no perfeito. “Sua voz e sua batida perdurarão para sempre incentivando e aprimorando qualquer tendência musical. As futuras gerações aproveitarão sua genialidade.”

Okky de Souza, jornalista e crítico musical

A importância de João Gilberto na cultura musical brasileira, segundo Okky, está além da criação da Bossa Nova, enxergando sua influência em outros compositores também muito populares como Caetano Veloso, Gilberto Gil e Moraes Moreira.

Leia Também:  Meghan Markle deu à luz em hospital de Londres, diz imprensa britânica

“Acredito que o Brasil soube aproveitar a Bossa Nova. João Gilberto e a Bossa Nova ficaram conhecidos no mundo todo. Até no Japão as pessoas sabem quem foi João Gilberto”.

Leia também: Lenda da bossa nova, João Gilberto morre aos 88 anos

Roberto Menescal, músico e produtor

Menescal conheceu João Gilberto nos anos 1950, quando ele apareceu na casa de seus pais – hoje a Galera Menescal, em Ipanema. Quando era dia de festa, João pedia para tocar violão. Em uma dessas ocasiões, ele emprestou seu violão a João, após seus pedidos, que achou o barulho do local insuportável. Saíram e voltaram apenas três dias depois. “A gente se reunia no apartamento da Nara Leão e cantava baixinho, buscando a tal batida do samba. João surgiu, reduziu o samba a batidas mínimas do tamborim, e fez-se o som. Eram todas batidas parecidas, mas ali estava a campeã!”

Essa música que eles chamavam de “samba moderno”, que depois evoluiu para a Bossa Nova. O termo surgiu em uma apresentação da turma deles que também era formada por Oscar Castro Neves, Luiz Eça, Luis Carlos Vinhas , Bebeto e Nara Leão. Em um show, no Clube Israelita de Laranjeiras, o organizador anunciou: “Hoje, show de Sylvia Telles e o grupo Bossa Nova”. Assim nasceu o termo.

“Ele tinha uma voz potente, mas fazia questão de cantar baixinho. Quando alguém reclamava, ele dizia: ‘Se você quer mais alto, está vendo aquele botão preto? Vai lá e aumenta o volume!’, afirmando que João sempre foi ligado na tecnologia, mesmo que fosse para suprir sua voz.

Tárik de Souza, crítico e historiador de música brasileira

Tárik traz uma visão bastante pessimista sobre o falecimento de João Gilberto, dizendo que sua morte é simbólica. “Perdemos para sempre a delicadeza da Bossa Nova, o País, hoje, está mais ogro”.

Para ele, a Bossa Nova sobreviveu enquanto João chamou a atenção para o ritmo, alterando a estrutura da música. “Foi o a pessoa com maior poder mental que já conheci. “O Brasil é o País da monocultura, seu público não entende o mercado sofisticado. Há um abismo entre o que foi construído e o que foi destruído depois.”

Paulo César Feital, compositor e dramaturgo

João Gilberto arrow-options
Divulgação

João Gilberto

“João Gilberto usou voz e violão para resgatar a memória de todas as matrizes da música popular brasileira, do samba ao choro, passando pelo clássico. Ele sozinho dirigia o Ministério da Música Brasileira”, afirma Feital.

Na sua visão, “o Brasil não conhece o Brasil”, e João Gilberto tentou ajudar nessa compreensão. Afirma que a qualidade de sua música se manteve durante toda a sua vida e que, apesar de ter se isolado, era um homem bom. “Ele cantava com paixão. O Brasil perdeu a paixão”.

Fonte: IG Gente
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Entretenimento

Ex-Dominó bonitão, Klaus Hee pode integrar elenco de “A Fazenda 11”

Publicado

Andam dizendo por aí que Klaus Hee é um dos favoritos para compor o elenco da décima primeira edição de “A Fazenda”, que continuará no comando de Marcos Mion. A coluna, assim que soube da novidade, chamou o ex-integrante do grupo Dominó para saber mais detalhes. Até porque, ele está dando uma repaginada no visual e publicando fotos em dermatologista, academia, spa e dentista, sempre acompanhadas de legendas enigmáticas. Sem contar a regravação de “Baila, Baila Comigo”, single que fez enorme sucesso no Brasil e no exterior, em 1997, com a boyband.

Klaus Hee arrow-options
Foto Sérgio Santoian

Klaus Hee

Para começo de conversa, Klaus, que estrelou as revistas “G Magazine” e “Íntima & Pessoal” e hoje dá expediente também como ator, contou que não foi procurado pela produção do reality show rural e, tampouco, pela RecordTV . Disse ainda que “essas especulações fazem parte do show”. Vale ressaltar, porém, que há uma cláusula de confidencialidade no contrato que obriga os participantes a manter sigilo total até o início do programa, marcado para setembro.

Oficialmente, os nomes ainda não foram divulgados, mas a cada dia ganha força uma lista com possíveis fazendeiros, como a musa fitness Juju Salimeni, a modelo Najila Trindade, que acusou Neymar de estupro, a ex-Paquita Ana Paula Almeida, a Pituxita, além do ator Thomaz Costa, que viveu o personagem Daniel na novela infantil “Carrossel”, do SBT . Já os cachês devem ficar entre R$ 25 e R$ 60 mil, assim como no ano passado.

Prêmio internacional 

Marcília Luzbet, que está à frente do evento, e Antonia Fontenelle - Foto Divulgação arrow-options
Divulgação

Marcília Luzbet, que está à frente do evento, e Antonia Fontenelle – Foto Divulgação

A mais recente edição do Portuguese Brazilian Awards, que aconteceu no Castle Hotel & Spa, em Nova York, continua rendendo bons frutos para Antonia Fontenelle, que está à frente do ótimo “Na Lata”. Um deles é a apresentação do evento no ano que vem. “Obrigada, Marcília Luzbet e Danilo Costa”, escreveu no Instagram. Mais que depressa, uma internauta rebateu: “Convite pra tudo agora, né? Deus te proteja”. Aí, foi um toma lá, dá cá! “Fui convidada antes da resposta da justiça. Meritocracria, babe”.

Por falar em batalha e tribunal, ela usou a função Stories para desmentir uma informação publicada por um jornal carioca, que cravou: “Fontenelle fica com 12,5% do patrimônio de Marcos Paulo; filhas não vão recorrer”. “Faz pouco tempo que ganhei um processo contra vocês, acharam pouco?”, questionou a atriz e apresentadora, antes de concluir com “tudo que peço e acho que mereço é um pouco de paz e que vocês parem de propagar mentiras baseados em uma nota escrita pelos perdedores. Vamos trabalhar com a verdade, uma vez na vida que seja”.

No entanto, este está longe de ser o único projeto da carreira da artista neste momento. Apesar da dedicação ao seu programa na web, Fontenelle faz jus à personalidade ariana e já tem diversas outras ideias organizadas. Uma delas é a estreia na direção do filme sobre a rainha do rebolado. “Finalizando o promo do longa que lhes prometi fazer e deixá-los de queixo caído. Para uns, Maria, eu a chamaria de Fênix, mas ela escolheu ser Gretchen”, legendou em uma imagem onde aparece em processo de produção. Sorte a nossa – afinal, quem não quer mais Antonia na vida?

Programação especial 

Antes de ir para o Spa Médico Tour Life, no município de Montenegro, no Rio Grande do Sul, Letícia Birkheuer deu uma passadinha no Urcca’s Ristorant. Por lá, foi recebida pela empresária e apresentadora Pollyana Morbach, pelo ex-jogador da seleção brasileira de voleibol Gilson Alves Bernardo, o Mão de Pilão, e pelo chef de cozinha Fabrício Eduardo Cappra. “Estamos amando a recepção aqui na nossa terra”, falou a atriz e modelo, acompanhada do namorado Arthur Lemes, que é personal trainer.

Como o médico Édio Schaurich resumiu, o espaço é focado em revitalização celular, desintoxicação e introdução a hábitos saudáveis de vida. Não à toa, Letícia e Arthur aproveitaram a natureza do complexo, espalhada em oito hectares de terra, para interagir com animais como araras, faisões, cisnes e pavões, em busca “de sua beleza interior”. “Além de cuidar da minha saúde, aprendi sobre nutrição, hormônios, doenças e longevidade”, completou a musa via Instagram Stories.

Leia Também:  De roupa curta, Flávia Alessandra exibe boa forma e deixa seguidores babando

Evento concorrido

Tatiana Fresser, Jaque Alves e Nizo Neto arrow-options
Divulgação

Tatiana Fresser, Jaque Alves e Nizo Neto

Com a mulher, Tatiana Fresser, o ator Nizo Neto foi um dos convidados da lista VIP da chef pâtissier Jaque Alves, ex-Cereja Flor, que acaba de assumir a cozinha do Le Gâteau Bistrô Pâtisserie, do empresário Gabryel Gianini. O restaurante fica no miolo de Moema, na zona sul de São Paulo, e tem tudo para se transformar no novo point de “apaixonados por boa comida e atmosfera cool”. A localização, portanto, é mais do que privilegiada – Avenida Jurucê, 767. Além dos ex-participantes do “Power Couple Brasil 3”, da RecordTV , Rita Cadillac, Thiago Rocha, Nicholas Torres, Simone Sampaio e alguns ex-participantes do “Big Brother Brasil”, da Globo, badalaram pelo local e aprovaram tudo!

Novidade à vista!

Amanda Françozo arrow-options
Foto Juan Ribeiro – Divulgação – TV Aparecida

Amanda Françozo

Nada de licença-maternidade para Amanda Françozo que espera uma menina, fruto de sua relação com o empresário Gregor Ferreira, com quem está há quase quatro anos. A apresentadora deu início na semana passada às gravações do “Revelação Sertanejo 2019”, da TV Aparecida . Ao todo, o reality show musical, dirigido por Ronaldo Souza, terá seis fases e será exibido toda sexta-feira, a partir do dia 13 de setembro, às 20h.

Uma das novidades é a volta do candidato da edição passada, Yuri Rodrigues. O gaúcho venceu a disputa no quadro “Revelações – A Batalha”, do programa “Aparecida Sertaneja”, entre os meses de maio e julho. Por fim, mas não menos importante, o maestro Rodrigo Costa, a cantora Adriana Sanchez, do grupo Barra da Saia, e a dupla Hugo & Tiago, completam o time na bancada de jurados.

Chamando atenção

Vandy Santos arrow-options
Divulgação

Vandy Santos

Não há dúvidas de que Vandy Santos vive excelente momento em sua carreira profissional. O cantor, que participou do quadro Nasce Uma Estrela, do programa “Mais Show”, comandado por Danny Pink e transmitido pela Rede Vida de Televisão , foi o nome escolhido para cantar na festa de aniversário de Jaíba, no norte de Minas, sua cidade natal. “A alegria tomou conta do meu coração. Fui recebido por uma multidão de amor, carinho, paz e sorrisos sinceros. Eles deram um show”, derreteu-se. Hoje, o artista mineiro roda o país como ninguém. Mas tem mais, muito mais! A música “História de Amor”, escolhida como a de trabalho, caiu no gosto do público e já está sendo executada em diversas rádios espalhadas pelo país.

Novos desafios

Sebah Vieira, Janaína do Mar, Pepê, Michelly Summer e Dan Fontes arrow-options
Divulgação

Sebah Vieira, Janaína do Mar, Pepê, Michelly Summer e Dan Fontes

Inovar é sempre uma tarefa difícil, não é mesmo, caro leitor? Em geral, envolve investimento, tempo e risco. Mas Pepê, que faz dupla com Neném, não quer saber dos contratempos e segue remando contra maré. Após participação na sétima edição de “A Fazenda” e no elenco da websérie “Plugados”, ela faz seu début nos palcos e agora se arrisca para valer como atriz. Trata-se da comédia “Procura-se Uma Virgem”, que entrará em cartaz no Teatro Shopping West Plaza – Sala Laura Cardoso (Praça Tomás Morus, 408 – Água Branca), em São Paulo, no dia 5 de agosto. A cantora gêmea até chegou a ser convidada, mas recusou o papel. O espetáculo também contará com a participação de Sebah Vieira, Michelly Summer e os ex-BBBs Janaína do Mar e Dan Fontes, que não esconderam o entusiasmo com a nova empreitada. Boa sorte a todos!

Nos trinques

Daniel Boaventura posa com a biomédica Carmen Vinagre arrow-options
Divulgação

Daniel Boaventura posa com a biomédica Carmen Vinagre

Hoje em dia os cuidados diários com o corpo também fazem parte da rotina do homem moderno. Que o diga o ator e cantor Daniel Boaventura, que está focado na divulgação do DVD “From Russia With Love” e trabalhando em um projeto de musical da Broadway, no qual assinará a coprodução.

Na semana passada, por exemplo, ele aterrissou em uma clínica, na Vila Olímpia, na zona Sul de São Paulo, para dar um “trato” no visual com as biomédicas Carmen Vinagre e Fernanda Pozzi. “Depois de tantas sessões de teatro nas quais uso ‘quilos’ de maquiagem, uma atenção especial com a pele é fundamental! Obrigado, querida doutora Carmen Vinagre. Você e sua equipe foram fabulosos”, agradeceu o artista baiano.

Silêncio, por favor!

Quem acha que só Ronaldinho Gaúcho, Justin Bieber e Ludmilla são barulhentos está muito enganado. Corre à boca pequena que um stylist, que trilha seus passos na TV, está “causando” pelas noitadas paulistanas. Os vizinhos endinheirados do rapaz dizem que ele costuma receber muitos famosos e dá festas intermináveis em seu lar, incomodando até mesmo moradores de outros prédios. Tá bom pra você?

Leia Também:  Funk gospel embala letras cristãs no ritmo dos bailes ‘sem Deus’

Conta Bandeira

Mais destaques da coluna de Marcelo Bandeira arrow-options
Divulgação

Mais destaques da coluna de Marcelo Bandeira

• A master coach e especialista em inteligência emocional Eloiá Hosana acredita no poder da plenitude e, mais do que isso, ajuda a promovê-lo. Foi pensando nisso que ela criou uma série de transmissões ao vivo pelo Instagram Live Stream com desafios “que só quem deseja uma vida mais leve, equilibrada e próspera deve fazer”, como fez questão de frisar.

Batizado de “Plenas, o desafio”, o projeto tem duração de apenas 15 minutos e é transmitido através do perfil oficial da mentora, que, aliás, virou “queridinha de muitas famosas”. Basta acessar o perfil Eloiá Hosana, às 21h07.

Por falar em Eloiá, ela tem participado de alguns programas de rádio e TV. Dias atrás, por exemplo, esteve ao vivo no “Papo em Dia”, com Luciano Faccioli, na Rede Brasil de Televisão e, devido ao sucesso, foi convidada para voltar. O mesmo aconteceu no “Revista Mais” (TV+ABC), de Izabelle Stein, que também dá expediente como repórter de Amaury Jr., na RedeTV! .

• Aos 20 anos, a modelo Amanda Costa viveu uma experiência de dar inveja a muita gente: estrelar o clipe da música “Got Me Singing”, do cantor Jaafar Jackson, sobrinho de Michael Jackson, lançado no último dia 28 de junho, e que já tem mais de 2 milhões de visualizações no canal YouTube. As cenas, entre elas, algumas sensuais, foram gravadas no Morro do Vidigal e na Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. “Foi uma experiência incrível! Sempre fui fã do Michael e poder trabalhar com o Jaafar foi fantástico. Além de ser simples, ele é muito talentoso, provando que essa qualidade está no sangue da família”, destacou a top da Ford Models.


• Troca de experiências é fundamental para o crescimento pessoal de quem quer que seja. Que o diga Andressa Guaraná, chefe de produção da Band . A jornalista está vivendo, literalmente, o sonho e adquirindo uma bagagem artística que não tem preço: o de mostrar também o talento no vídeo. Isso porque ela foi alçada ao posto de apresentadora na BandNews e está responsável por falar dos boletins diários sobre a previsão do tempo no canal a cabo. Seja na redação ou na televisão, a verdade é que Andressa Guaraná sempre brilha.

• Ana Miranda, que vive a avó Margarida, em “Malhação – Toda Forma de Amar”, da Globo , assina a direção da comédia “O Oráculo”, de Arthur Azevedo, que estreia no dia 7 de agosto, às 21h, no Teatro Vannucci, no Shopping da Gávea, no Rio. O espetáculo foi montado e dirigido, pela primeira vez, por ela, em 2016, durante a defesa da tese final do curso de licenciatura em teatro. “É um texto do século XIX, mas que retrata os comportamentos e hábitos atuais da sociedade. Nessa peça de costumes, Arthur Azevedo demonstra toda a sua habilidade em criar um enredo engraçado, que prende a atenção do espectador, e ainda reelabora elementos da tradição literária”, pontou a atriz.

• Graduado, mestre e doutor pela USP, Rogério Marques é o responsável por cuidar dos sorrisos de Luciano Nassyn e Patrícia Marx, que estão em plena divulgação da turnê comemorativa do grupo Trem da Alegria, que despertou a nostalgia do público que cresceu nos anos 1980 e 1990. Vira e mexe, os cantores são vistos no consultório do badalado cirurgião-dentista, localizado no Jardim Paulista, na zona sul de São Paulo. Mas eles não são os únicos, não. O volante Júnior Urso, do Corinthians, a cantora Negra Li, as repórteres Adriana Amaral e Leniza Krauss, ambas da RecordTV , e os jogadores do sub-20 do São Paulo, Wellington Souza e Taylor Rocha, também frequentam o local.

• Proprietários do salão Studio Nanno, no Rio de Janeiro, point de famosos como a atriz mirim Clara Galinari e os ex-BBBs Elana Valenária e Darnley Ferreira, entre outros, os empresários Érica Carvalho e Saulo Matheus aproveitaram uma brecha na agenda de julho, conciliaram com a das férias escolares e viajaram para um badalado resort em Porto Seguro, na Bahia. Por lá, aproveitaram para passear por locais que amam. “Foi um momento de descanso e prazer”, relatou Érica, que já voltou a dividir seus conhecimentos com um time que segue sua identidade e técnicas de trabalho.

Fonte: IG Gente
Continue lendo

Entretenimento

Justin Bieber surge sem camisa e recebe pedido: “Se divorcia, por favor”

Publicado

Justin Bieber atualizou sua conta do Instagram nesta segunda-feira (22) com um clique ousado. Sem camisa, com a barba por fazer e ostentando inúmeras tatuagens, o cantor recebeu uma gama de elogios, incluindo um pedido de divórcio.

Leia também: “Você degrada as mulheres”, diz ex-coreografa de Justin Bieber ao cantor

Justin Bieber arrow-options
Reprodução Instagram

Justin Bieber


Leia também: Justin Bieber desabafa sobre sua saúde mental: “estou lutando muito”

Na legenda Justin Bieber não deixou nenhum recado, porém, isso não impediu seus fãs de o elogiar. “Quer me matar?”, disse uma. “Não consigo respirar”, disse outra. “Se divorcia, por favor”, finalizou uma terceira. 

Leia também: Justin Bieber critica Taylor Swift após cantora falar de Scooter Braun

Fazia algum tempo que Justin Bieber não compartilhava selfies em sua conta do Instagram, este “retorno” também foi apreciado pelos fãs do cantor .

Fonte: IG Gente
Leia Também:  Meghan Markle deu à luz em hospital de Londres, diz imprensa britânica
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana