conecte-se conosco


Entretenimento

A herança de João Gilberto

Publicado

IstoÉ

A morte do músico baiano João Gilberto se reveste de simbolismo. O maior intérprete do Brasil, o consagrado pai da Bossa Nova se foi depois de o Brasil ter acabado — ou, pelo menos, o Brasil que ele ajudou a construir. Um país moderno, inovador e otimista que surgiu no governo de Juscelino Kubitschek, de 1955 a 1960, com a fundação de Brasília, a poesia concreta, o Cinema Novo e teatro de vanguarda.

Leia também: Jornais de todo o mundo destacam a influência de João Gilberto e da bossa nova

João Gilberto arrow-options
IstoÉ Gente/Divulgação

João Gilberto

A inovação musical se deu com a Bossa Nova, estilo criado por João Gilberto que conquistou o mundo. Seu desaparecimento faz pensar como ele deixou de ser conhecido pelo público local e por que o Brasil não soube se consolidar na cultura mundial com a Bossa Nova.

João Gilberto realizou uma tamanha proeza que virou divindade aos ouvidos dos melômanos. Poucos pensavam que ele poderia morrer. Deu o último suspiro às 15h do sábado, 6 de junho, 27 dias após ter completado 88 anos. Estava no apartamento em que morava, no Leblon, Zona Sul do Rio de Janeiro, com a mulher, a moçambicana Maria do Céu Harris, uma cuidadora e um secretário.

A causa da morte não foi revelada. Ele tinha problemas de saúde havia anos. O velório foi o último espetáculo de uma carreira repleta de canções de sucesso e imbróglios patrimoniais. Os conflitos familiares vieram à tona na cerimônia, que ocorreu na manhã de 8 de julho, no Teatro Municipal.

Leia Também:  Venda de livros LGBTQ+ aumenta e editoras repudiam atitude de Crivella

Leia também: Neta de João Gilberto usa página para compartilhar fotos e vídeos com avô

A despedida contou com centenas de pessoas e familiares, incluindo as duas filhas, Bebel e Luísa, a neta, Sofia, e ex-mulheres. Foi o primeiro velório no local com área VIP para a família. Seu filho, o produtor João Marcelo, de 59 anos, não compareceu, justificando que não podia sair de Nova Jersey, onde mora, por causa do visto de trabalho vencido. Mas criticou o “teatro” em torno do velório do pai, “tudo o que ele não queria”. Menos espetacular, o enterro ocorreu à tarde, em Niterói.

João preferia cantar a viver. Morreu coberto de glórias e dívidas. Tinha sido despejado do apartamento onde vivera por três décadas e passou a depender da família. Filhos e ex-mulheres se engalfinharam pela herança.

Para o escritor Ruy Castro , o músico viveu bem, mas não soube gerir a carreira: “Espero que pelo menos parte do que ele cantou em casa nos últimos 20 anos tenha sido gravado e possa ser trabalhado por alguém em quem ele confiasse e lançado em álbum. ‘Mas será que é bom?’, perguntará alguém. E eu direi: ‘Tenho certeza. Pelo que sei, ele cantava para as paredes como se cantasse no Municipal’”.

Se a herança é disputada, o legado se comprova unânime. “João ensinou tudo o que sei de música e de vida”, diz o músico Roberto Menescal. “A gente se reunia no apartamento da Nara Leão, em Copacabana, cantava baixinho e buscava a tal batida do samba. João surgiu, reduziu o samba a percussões mínimas do tamborim e fez-se o som. Ele gostou do nosso canto porque, segundo ele, assim não ninguém perturbava a vizinhança. Chamávamos aquilo de samba moderno. Só depois veio o termo Bossa Nova.”

Leia Também:  Em “A Dona do Pedaço”, Kim pressiona Márcio ao organizar casamento surpresa

Em 1962, Menescal seguiu com João e a turma para um show no Carnegie Hall, em Nova York. “Todos ficaram por lá, menos eu”, diz. “Voltei para casar.” Até hoje, a Bossa Nova goza mais de projeção no exterior do que no Brasil.

O impacto foi incomensurável, diz o pesquisador e produtor Zuza Homen de Mello: “Nunca houve nenhum artista tão impactante quanto ele.” De acordo com o crítico Tárik de Souza, a longevidade da Bossa Nova se apoia na sonoridade perfeita: “João chamou atenção por ter alterado a estrutura da música”, afirma.“Foi a pessoa com maior poder mental que já conheci.” 

Hoje, poucos brasileiros ouvem bossa, o que compromete o futuro do ritmo. “Eles preferem pancadão e sertanejo à bossa, que se converteu em um nicho para ouvintes sofisticados”, diz Tárik. O desrespeito à memória típico dos brasileiros leva Zuza a temer um possível uso turístico.

João Gilberto arrow-options
IstoÉ Gente/Divulgação

João Gilberto

Leia também: Lenda da bossa nova, João Gilberto morre aos 88 anos

Cita o Beco das Garrafas, no Rio, berço do gênero. “Não ficaria surpreso se alguém tornar o local uma casa de espetáculos sertaneja. Aí, sim, fará sucesso.” Menescal explica a regressão auditiva nacional com uma regra simples: “O brasileiro produz música de qualidade, mas consome lixo”.

Fonte: IG Gente
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Entretenimento

Sophia Abrahão revela que está noiva de Sérgio Malheiros

Publicado

source

Sophia Abahrão ficou noiva de Sérgio Malheiros . O casal se conheceu em 2014, nos bastidores da novela “Alto Astral”, da Rede Globo . “Foi uma conversa muito tranquila e franca nossa na qual falei que realmente estava na hora de darmos esse passo”, contou a apresentadora a Vogue .

Leia também: Sophia Abrahão fala das dificuldades do “Se Joga”, planos na Globo, Lula e mais

Sophia Abrahão e Sérgio Malheiros arrow-options
Reprodução/Instagram/Sophia Abrahão

Sophia Abrahão e Sérgio Malheiros ficam noivos e planejam casamento para o ano que vem


Leia também: Sophia Abrahão faz desabafo sobre imagem vulgar da mulher na música

Com casamento previsto para o primeiro semestre de 2020, Sophia Abahrão garante que a decisão não foi tomada por impulso. “Cada vez mais estou entendendo que passos importantes a serem dados na vida demandam muita clareza e lucidez”, pontuou na entrevista.

O pedido foi algo simples e não algo digno de uma cena de cinema, mas a apresentadora garantiu que não se importou. “O Sérgio sabe que essa tradição não é algo que eu preciso ter. Eu quero mesmo é ser feliz em meu relacionamento, construir algo saudável e positivo para nós dois. É desse esforço que preciso.”

Leia Também:  Sem folga, Paolla Oliveira diz: “Trabalhando na força de São Jorge”

Leia também: Após boatos de traição, Eduardo Costa rompe noivado com universitária

Outro detalhe é que Sérgio Malheiros não vai escolher as alianças sozinho, pois Sophia Abahrão acredita que isso deve ser feito em conjunto. “Quero fazer parte desse momento também. Imagino algo simples e delicado, sem muita ostentação. Algo para representar o que somos como casal, que tenha a ver conosco.”

Fonte: IG Gente
Continue lendo

Entretenimento

Demi Lovato ganha “mimo” de Shawn Mendes e Camila Cabello: “Você nos inspira”

Publicado

source

Um dos casais mais bombados da música pop atual provou que o amor está no ar mesmo! Na madrugada desta quinta-feira (21), Demi Lovato publicou uma foto em seu Instagram, mostrando aos seguidores que ganhou um presente especial de Shawn Mendes e Camila Cabello.

Leia também: Demi Lovato namorando MC Guimê? Novo amor da cantora vira assunto na web

Flores que Demi Lovato ganhou de Shawn Mendes e Camila Cabello arrow-options
Reprodução/Instagram

Flores que Demi Lovato ganhou de Shawn Mendes e Camila Cabello


“Oi Demi, estamos pensando em você e falando sobre o quanto você nos inspirou quando éramos menores. Com amor, Shawn e Camila”, diz o bilhete entregue para Demi Lovato . Na foto do buquê de flores, a cantora agradeceu o carinho.

Leia também: Cocaína, suicídio e rehab: Disney é uma máquina de fazer estrelas surtadas

“Isso é doce e fofo para c*ralho… E agora eu me sinto velha, mas vale a pena, porque eles pensaram em mim. Muito obrigada a vocês! Eu amo os dois”, escreveu Demi Lovato . O presente veio pouco tempo depois do anúncio de que Shawn Mendes e Camila Cabello entraram para os concorrentes ao Grammy na categoria Melhor Performance em Grupo ou Dupla, com o hit Señorita .

Fonte: IG Gente
Leia Também:  Venda de livros LGBTQ+ aumenta e editoras repudiam atitude de Crivella
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana