conecte-se conosco


Policial

PRF apreende carga de 557 quilos de cocaína em MT avaliada em R$ 70 milhões

Publicado

 

.

A droga foi retirada de circulação no estado de Mato Grosso; PRF soma cerca de 19 toneladas de cocaína e seus derivados apreendidas este ano

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), apreendeu 557 kg de cloridrato de cocaína na manhã desta terça-feira (11), na região de Nobres, em Mato Grosso. Das quase 19 toneladas de cocaína apreendidas pela PRF este ano, cerca de 3,2 toneladas foram flagradas em rodovias federais mato-grossenses. Dessa vez, o crime organizado acabou com um prejuízo estimado de cerca de R$ 70 milhões.

A abordagem assertiva, orientada por informações de inteligência,  foi feita pela equipe de Operações Especializadas da PRF após acompanhamento do veículo da BR-364 até a MT-351 onde foi parado. O veículo, um caminhão prancha, com placas de Americana/SP, era conduzido por um homem de 34 anos.

Os policiais realizaram uma fiscalização minuciosa no veículo e encontraram um compartimento na longarina preparado para o transporte do entorpecente. De lá foram retirados 510 tabletes de cloridrato, substância derivada da cocaína.

O condutor disse ter pego a droga na região de Nova Mutum/MT e que receberia uma ligação informando em qual cidade do estado de Minas Gerais a carga ilícita deveria ser deixada.

Com essa apreensão de 557 quilos de cloridrato, a PRF soma mais de 1,2 tonelada de cocaína e seus derivados retirados de circulação no país apenas neste mês de agosto. No início do mês, mais precisamente em 03 de agosto, mais de 100 Kg de pasta base de cocaína foram apreendidos em ação conjunta no Rio de Janeiro. Já no último dia 07, na BR-163, em Mato Grosso do Sul, foram tirados de circulação 209 kg de cocaína escondidos em uma carga de milho.

 

SECOM PRF MT
e-mail: [email protected]
Instagram: @prf_mt

 

Fonte: PRF MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

PM prende foragido da Justiça depois de agredir a mãe em Rondonópolis

Publicado

m Rondonópolis (212 km de Cuiabá), uma denúncia anônima levou à prisão de um foragido da justiça no momento em que o suspeito, de 28 anos, agredia a própria mãe. Policiais do 5º Batalhão da Polícia Militar chegaram ao local e flagraram o agressor no meio da rua arrastando a mãe pelos cabelos.

Isso ocorreu na tarde de sábado (26.09), em uma rua do bairro Cidade Salmem. Os dois, mãe (58 anos) e filho, estariam aparentemente embriagados e mesmo com a chegada da equipe da PM continuaram brigando e somente não entraram em vias de fatos porque o policiais impediram.

Dentro da residência os policiais encontraram móveis e utensílios domésticos danificados, supostamente pelo filho da vítima. Lá também havia uma criança, uma idosa acamada e uma outra mulher que supostamente sofre transtornos psicológicos. Os policiais acionaram os Conselhos Tutelar e do Idoso para que a criança e a idosa possam recebem assistência.

 

Continue lendo

Policial

Homem é preso por ameaça, cárcere e estupro contra companheira que se relacionava há três meses

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem suspeito dos crimes de ameaça, cárcere privado, estupro foi preso em flagrante pela Polícia Civil, na sexta-feira (25.09), em ação realizada pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Cuiabá. O suspeito, de 55 anos, praticou os atos contra a companheira, de 43 anos, com a qual se relacionava a cerca de três meses.

Segundo as informações, o casal veio da cidade de Uberlândia (MG) para Cuiabá, no dia 17 de setembro, quando o suspeito vendeu um aparelho celular para pagar a diária de um hotel. No dia seguinte (18), o casal foi para um albergue, porém em razão a brigas por ciúmes e machismo, a vítima procurou a assistente social pedindo ajuda para ir voltar para sua cidade.

Depois de conseguir passagem para ir embora e dinheiro com seus familiares, na quinta-feira (24), a vítima foi para a Rodoviária, momento em que foi surpreendida pelo agressor, o qual rasgou o seu bilhete de embarque. A vítima tentou pedir ajuda para populares, porém o suspeito não deixava as pessoas se aproximarem, dizendo que era “briga de marido e mulher”.

Em seguida, o suspeito levou a vítima para um hotel, nas proximidades da rodoviária, onde passou a proibir a vítima de sair do quarto e a agredia com tapas no rosto, além de rasgar a sua roupa e estuprá-la. Após o ato sexual forçado, o suspeito passou a noite consumindo entorpecentes e na manhã seguinte disse que levaria a vítima para almoçar e depois retornariam ao hotel para que ele continuasse com as agressões.

No restaurante, a vítima aproveitou um momento em que o suspeito se ausentou para fugir e com ajuda de populares chegou até a Delegacia da Mulher. Narrando os fatos, pedindo retirado dos seus pertences e a prisão do autor.

Com base nas informações,  a equipe da DEDM se deslocou até o hotel, onde encontrou o suspeito, o qual foi identificado pela vítima e preso pelos policiais. O suspeito estava visivelmente sob efeitos de entorpecente, ameaçou os policiais tentando resistir a prisão, sendo também autuado em flagrante pelos crimes de desacato e desobediência.

A vítima, totalmente aterrorizada, requereu medidas protéticas e enquanto aguarda o retorno para o seu estado, ficará na casa de amparo.

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana