conecte-se conosco


Cuiabá

4ª Confraternização Esportiva e Cultural dos Servidores da Educação encerra com entrega de premiações

Publicado

O encerramento da 4ª Edição da Confraternização Esportiva e Cultural dos Servidores da Educação (CECSE) aconteceu na última semana, no ginásio Manoel Soares de Campos, no Complexo Dom Aquino, com entrega de medalhas e troféus. O evento reuniu atletas, representantes das escolas participantes, além de diversas comunidades que prestigiaram a solenidade.

A secretária-adjunta de Educação, Edilene Machado, ao lado do presidente do Conselho Municipal de Educação (CME), Luiz Jorge, e coordenadores da SME, conduziram o encerramento. No ato, assinalaram a importância dos jogos para o entrosamento, companheirismo, confraternização e para ampliar as parcerias e integração na Secretaria, trazendo humanização e valorização para todos, dentro dos objetivos da gestão do prefeito Emanuel Pinheiro.

Foram quase dois meses de jogos nas modalidades de queimada, voleibol, peteca, futsal, corrida de 200 metros, salto em distância, natação 25 metros, natação revezamento, bozó, tênis de mesa e festival de dança.

Este ano, algumas modalidades esportivas se destacaram como bozó, queimada, voleibol e o futsal, pelo número de partidas disputadas. No total, 1.500 atletas participaram do CECSE representando mais de 9 mil trabalhadores da Educação e 43 das 163 unidades educacionais do Município.

Uma das grandes vencedoras da competição foi a EMEB Maria Ambrósio Pomont, que se sagrou tricampeã da modalidade voleibol masculino e feminino. Zoraide Santos Queiros, servidora da escola, destacou o incentivo como o grande o segredo do tri campeonato da equipe. “Todos nós fomos incentivados a praticar o esporte pelo nosso bem estar e isso tornou a unidade uma referência do voleibol na competição. Estamos nos especializando no vôlei, treinamos bastante e queremos ser tetra campeões no próximo ano”, disse a levantadora do time.

Os atletas individuais ganharam medalhas. Já para os esportes de competição coletiva foram entregues medalha e troféus para os vencedores.

Durante a solenidade de premiação foi lançada a 5ª edição do CECSE. “Já começamos a pensar a confraternização de 2020. Uma das atrações será o The Voice dos servidores”, contou Jane Regina da Silva Costa, coordenadora dos jogos, assegurando a arrecadação com os cartões amarelos aplicados durantes os jogos, será entregue a entidades beneficentes de Cuiabá.

“O CECSE já é um tradição entre os servidores da Educação e a cada ano percebemos um apoio e participação maior. A confraternização é a marca da competição, além da valorização funcional e pessoal, que fazem parte de um conjunto de ações visando a promoção humana.  Quando a gente fala em valorização, falamos também em fortalecimento, em reciprocidade, em harmonia e em companheirismo, e aqui fica muito claro. Perdendo ou ganhando, todos estão participando. Isso é importante para a Educação”, concluiu a secretária-adjunta Edilene Machado, lembrando que todo o corpo funcional precisa desse momento de união das pessoas.

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cuiabá

CCJR analisa oito projetos durante reunião ordinária

Publicado


.

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) da Câmara Municipal de Cuiabá se reuniu ordinariamente na manhã desta quarta-feira (23), para deliberar sobre os pareceres aos processos legislativos que constavam em pauta.

Dentre eles, a Mensagem do Executivo Nº 046/2020 que dispõe sobre as razões do veto total ao projeto de lei de autoria do vereador Ricardo Saad (PSDB), que trata da obrigatoriedade da afixação de cartazes informativos sobre o dever legal de comunicação às autoridades competentes de casos de estupro e assédio sexual. O veto recebeu parecer contrário da comissão.

Sob a relatoria do vereador Wilson Kero Kero (Podemos), recebeu parecer favorável, o processo nº 330/2020 de autoria do vereador Chico 2000 (PL) que dispõe sobre a nomenclatura da Associação de Moradores do Bairro Parque Residencial, passando a denominar “Centro Comunitário Sócio-Cultural de Múltiplo Uso Almirindo da Silva”.

Receberam parecer contrário pela sua aprovação, o processo nº 037/2020 que dispõe sobre a aplicação do valor remanescente do duodécimo exclusivamente na saúde municipal, de autoria do vereador Adilson Levante (PSB) o processo nº 043/2020 que dispõe sobre a dispensa do pagamento do serviço funerário municipal aos usuários que comprovem a doação de órgãos do parente ou familiar da pessoa sepultada e o processo nº 219/2020 que estabelece critério de isenção na cobrança nos estacionamentos próximos de hospitais públicos e privados na Capital.

Sob a relatoria do vereador Lilo Pinheiro (PDT), receberam pareceres favoráveis os processos nº 337/2020 que institui o Dia Municipal do Vendedor de Comida de Rua, de autoria do vereador Dilemário Alencar (Podemos) e nº 348/2020 que concede Título de Cidadania Cuiabana ao Tenente Coronel PM/MT Cesar Augusto de Camargo Roverei, de autoria do vereador Clebinho Borges (PSD).

Já o processo nº 245/2020 de autoria do vereador Mário Nadaf (PV), que dispõe sobre a exigência para testagem periódica na rede pública e privada para detecção da Covid-19, recebeu parecer contrário pela sua aprovação.

Os pareceres da CCJR serão submetidos à apreciação e votação dos parlamentares nas próximas sessões plenárias da Casa de Leis.

Jean Estevan / Câmara Municipal de Cuiabá

Continue lendo

Cuiabá

Comissões permanentes fazem reunião conjunta para analisar projetos da área da educação

Publicado


.

Na manhã desta quarta-feira (23), os membros da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) e da Comissão Educação, Ciência e Tecnologia (CECT) participaram conjuntamente de uma reunião ordinária, com objetivo de analisar e principalmente esclarecer os 10 projetos que se encontram na Casa de Leis voltados diretamente para o setor da educação em Cuiabá.

Presidiram a reunião o presidente da CECT, vereador Luis Claudio (Progressistas) e o vereador Lilo Pinheiro (PDT), presidente da CCJR. Participaram ainda, o assessor jurídico da Secretaria Municipal de Educação, José Roberto, a técnica de alimentação escolar Thaiza Moshage, professora Jane Regina Silva da Costa de Programas e Projetos, Feliciana Cunha Figueiredo, coordenadora de legislação, Geraldo Grossi Junior, assessor de gabinete, Zileide Lucinda dos Santos, coordenadora técnica de ensino e também o vereador, Mario Nadaf (PV), que é vice-presidente da CECT.

O assessor de gabinete Geraldo Grossi, no uso da sua fala agradeceu a Câmara Municipal de Cuiabá, por ouvir o setor antes mesmo que os projetos comecem a ser analisados na Casa. “Parabenizamos pela consulta dos técnicos, como forma até mesmo de respeito com os profissionais, mesmo antes da analise inicial dos projetos de lei, já que são de suma importância para toda sociedade cuiabana”, disse Grossi.

Entre os projetos analisados, constava o nº 447/19 de autoria do vereador Adevair Cabral (PTB), sobre a inclusão de campanhas de conscientização sobre doação de órgãos e transplantes nas escolas da rede municipal, o projeto nº 776/19, de autoria do vereador Dilemário Alencar (Podemos), sobre a inclusão da temática contra a violência às mulheres no currículo escolar das unidades escolares de ensino, no âmbito da capital,e o projeto nº 1.081/19, do vereador Diego Guimarães (Cidadania).

Marcella Magalhães / Câmara Municipal de Cuiabá

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana