conecte-se conosco


Política MT

Câmara prova pedido de empréstimo de R$ 120 milhões para obras de pavimentação em Várzea Grande

Publicado

Prefeito também adiantou que quer retomar o empréstimo no valor de R$ 50 milhões, paralisado no final de 2020 junto à Caixa Econômica Federal para ampliar os investimentos em infraestrutura

Demonstrando sintonia com os vereadores, membros do Poder Legislativo, o prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat (MDB)recebeu 10 projetos apreciados e aprovados em sessão extraordinária, durante o período de recesso
parlamentar, lembrando que todas as propostas estão dentro do que é melhor para a cidade de Várzea Grande e para sua população.
“São projetos de Lei fundamentais que tratam dos interesses coletivos da população e da cidade como pedido de empréstimo da ordem de R$ 120 milhões para obras de pavimentação de ruas e avenidas: Alteração do Orçamento de 2021: Reforma da Previdência e o conjunto de leis compostos pelos: Plano Diretor; Perímetro Urbano; Uso e Ocupação do Solo; Parcelamento do Solo; Sistema Viário; Código de Postura e Código de Obras e Edificações,”, disse o prefeito ao recepcionar os projetos apreciados e aprovados e determinando a sanção e publicação dos mesmos.
Falando em nome de todos os 21 vereadores, o presidente da Casa de Leis Municipal, Fábio Tardin assinalou que o prefeito Kalil Baracat acompanhado pelos secretários foi ao encontro de todos os vereadores, independente de cor partidária e fez uma explanação de suas justificativas para a apreciação urgente dos projetos e o quanto os mesmos são fundamentais.
Tardin exortou o prefeito a continuar vendo o Legislativo não apenas como um Poder independente que tem seu papel primordial em fiscalizar o Executivo, mas como aliado e interessado em combater as desigualdades que existem em uma cidade de 300 mil habitantes.
“Os últimos anos foram de desenvolvimento exemplar e de resultados mais do que positivos, durante a gestão da prefeita Lucimar Sacre de Campos e o importante agora é não deixar este momento retroceder e continuar em uma gestão ainda melhor”, disse o presidente Fábio Tardin.
Agora a meta é acelerar os entendimentos com a Caixa Econômica Federal (CEF) que será o banco financiador do empréstimo para que no primeiro semestre deste ano o mesmo seja assinado. “Com essas obras estaremos atendendo não apenas a questão do trânsito, mas também de saúde pública com o fim da poeira, sem contar a valorização da cidade e dos imóveis.
Kalil disse que fez questão da presença dos vereadores para mostrar que vai executar a risca todos os compromissos de forma republicana com nosso povo e com seus representantes, os vereadores. Que esta seja a primeira de várias reuniões que irão garantir o bom relacionamento entre a Prefeitura e a Câmara.
O prefeito também adiantou que quer retomar o empréstimo no valor de R$ 50 milhões, paralisado no final de 2020 junto à Caixa Econômica Federal (CEF) para ampliar os investimentos em infraestrutura. “Além da capacidade de endividamento da Prefeitura e desses empréstimos já sinalizados, estamos buscando novas parcerias a exemplo das reuniões que tivemos com os senadores Jayme Campos, Wellington Fagundes e Carlos Fávaro, o deputado federal Neri Geller, coordenador da bancada federal
do deputado estadual Eduardo Botelho, que sinalizaram emendas para Várzea Grande”, informou o Chefe do Executivo.
“Quero agradecer a cada um dos vereadores aqui presentes que aceitaram o nosso convite na pessoa do presidente Fabio Tardim. Vocês entenderam a importâncias dessas leis para a sociedade várzea-grandenses e a importância de mantermos um diálogo franco e aberto sobre os problemas a serem solucionados. Saibam que estarei sempre à disposição para o diálogo e nossa equipe técnica pronta pra esclarecer dúvidas”, afirmou o prefeito.
O vereador Cleyton Nassarden, mais conhecido como Sarinha sinalizou que: “o recurso proveniente da operação de crédito será destinado para obras sendo vedada a aplicação de tais recursos em despesas correntes. Ação extremamente importante para a população de Várzea Grande, além é claro da continuidade do programa de pavimentação executado pela gestão anterior”, avaliou o vereador.
“Temos que dar este crédito e voto de confiança ao novo prefeito. O recurso é importante sim e iremos fiscalizar a aplicação para que as obras sejam entregues. Também foi importante essa reunião para conversar não somente com o prefeito mas também com os secretários das pastas responsáveis”, disse o vereador Bruno Lins Rios (PSB).
Durante a reunião o prefeito Kalil Baracat também lembrou aos vereadores sobre a importância de cada um manter suas indicações para a pavimentação dos bairros da cidade. “Também já fui vereador e sei da importância de cada legislador manter seu compromisso com a população que o elegeu. O vereador tem que mostrar serviço fiscalizando os recursos públicos e indicando onde eles serão melhor aplicados conforme reivindicação da população”, concluiu.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política MT

Sob articulação de Dr. Eugênio, Escola Militar de Barra do Garças dá início às atividades

Publicado


Foto: DIEGO SAPORSKI / Gabinete do deputado Dr. Eugênio

Após anos de espera e muitas articulações junto ao governo do Estado, o município de Barra do Garças pode finalmente comemorar o início das atividades da Escola Militar Tiradentes. As aulas tiveram início no dia 8 de fevereiro e segue no formato de aulas online determinado pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc) para prevenção e combate a COVID-19.  

A unidade funciona no prédio da Escola Estadual São João Batista, no bairro Santo Antônio e tem como diretor o Tenente Coronel Naildo Guedes, da Polícia Militar. Inicialmente serão atendidos cerca de 400 alunos da sexta série do Ensino Fundamental até o primeiro ano do Ensino Médio.

A instalação da Escola Militar em Barra do Garças é resultado de um trabalho conduzido pelo deputado estadual Dr. Eugênio Paiva (PSB) desde o início de seu mandato. Em diversos momentos, Eugênio foi categórico ao cobrar do governo do Estado urgência na instalação da unidade.

Antes da garantia definitiva da escola, o deputado percorreu um longo caminho com a realização de audiências públicas, reuniões com prefeito, vereadores e comunidade escolar. Até mesmo uma visita técnica do vice-governador Otaviano Pivetta e da então secretária Marioneide Kliemaschewsk (SEDUC) ao município foi articulada pelo deputado para garantir a instalação da unidade.

“Nós precisávamos garantir a instalação da Escola Militar e mais, essa instalação precisava ter a melhor localização e atender ao maior número possível de famílias, e conseguimos. Trabalhamos arduamente para o Estado entender a importância da unidade, já que era um compromisso antigo com a comunidade escolar. Quero agradecer ao vice-governador Pivetta  e ao atual secretário Alan Porto que cumpriram conosco, e hoje Barra do Garças comemora sua merecida unidade militar de ensino. Uma escola diferenciada, pautada na valorização da família, nos princípios morais, no resgate cívico e na formação de uma postura socialmente comprometida”, definiu Dr. Eugênio.

Um sonho antigo da comunidade escolar, a Escola Militar traz consigo um currículo de referência na formação de jovens e adolescentes. Além da boa qualidade de ensino, a unidade militar instalada no bairro Santo Antônio também assumiu o importante papel de atender as famílias localizadas naquele setor, até então sem nenhuma unidade estadual.

O deputado também acompanha de perto a proposta de reordenamento das escolas estaduais que será apresentada pela Seduc ao município. A preocupação é evitar que as escolas sejam subutilizadas devido à baixa demanda.  

Padrão diferenciado – A Escola Militar de Barra do Garças é a segunda unidade instalada no Araguaia, e faz parte do projeto de expansão das unidades militares projetadas pelo governo do Estado. A primeira unidade foi instalada no município de Confresa, em 2017.  

Com uma educação considerada modelo, as escolas militares são referência em qualidade de ensino, disciplina e na formação humanizada de jovens e adolescentes.

As unidades militares possuem gestão compartilhada entre a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e a Polícia Militar de Mato Grosso. Cabe à Seduc atuar na definição de estratégias para a prática pedagógica, planejamento e execução do plano político-pedagógico definido pela comunidade escolar. Já a Polícia Militar é responsável por toda gestão cívico-militar, proporcionando o desenvolvimento de um ambiente de disciplina, respeito à hierarquia, a meritocracia e a promoção de um ambiente organizado e acolhedor, voltado à melhoria da aprendizagem dos estudantes.

Fonte: ALMT

Continue lendo

Política MT

Com aumento de casos de Covid, Assembleia decide prorrogar suspensão das atividades por mais duas semanas

Publicado

Atividades estão suspensas até o dia 18, com possibilidade de serem prorrogadas

A Mesa Diretora da Assembleia Legislativa determinou a suspensão das atividades presenciais devido a gravidade da pandemia da covid-19 em Mato Grosso. De acordo com a resolução, o expediente será retomado no próximo dia 18, com possibilidade de ser prorrogado. As atividades foram suspensas no último dia 25 e deveriam ser retomadas nesta sexta-feira (5).

Caso haja convocação para realização de sessão plenária durante a vigência da suspensão das atividades e eventuais prorrogações, essas serão realizadas de forma virtual, através do Sistema de Deliberação Remota. “Estabelece a possibilidade de prorrogação da suspensão do funcionamento da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso – ALMT em virtude da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do Novo Coronavírus – COVID-19”, diz trecho do documento..

Dos 24 deputados dda ALMT, 15 já contraíram o coronavírus. São eles: Eduardo Botelho (DEM), Valmir Moretto (PRB), Max Russi (PSB), Wilson Santos (PSDB), Paulo Araújo (PP), Thiago Silva (MDB), Allan Kardec (PDT), Faissal Calil (PV), Elizeu Nascimento (PSL), Dilmar Dal’Bosco (DEM), Nininho (PSD), Carlos Avalone (PSDB), Dr. João (MDB) e Valdir Barranco (PT) e Silvio Fávero (PSL). Este último foi internado ontem (4) no Hospital São Lucas, em Lucas do Rio Verde. Já Barranco, segue sedado e intubado em uma UTI no Incor de São Paulo há mais de duas semanas. Seu estado é considerado grave.

Até o final da tarde de hoje, Mato Grosso já havia registrado 1.486 novos casos e 5.968 mortes por coronavírus.

 

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana