conecte-se conosco


Mulher

3 dicas para evitar bolinhas na pele depois de fazer depilação com lâmina

Publicado

Você fica com bolinhas na pele depois de se depilar com lâmina? O problema é bastante comum entre homens e mulheres e tem até um nome: foliculite. Se você está familizarizada com esse problema, fique sabendo que não é nenhum bicho de sete cabeças, porém, ainda é importante cuidar da pele e aprender que existem jeitos de evitá-lo. 

Leia também: Dúvidas sobre depilação: 10 mitos e verdades sobre raspar os pelos com lâmina


undefined
shutterstock

As bolinhas na pele que surgem após fazer depilação com lâmina são, na realidade, uma inflamação nos folículos dos pelos

Ao Delas, a dermatologista Daniela Leal, da Clínica Leal Campinas, explica que as bolinhas na pele,  na verdade, são uma inflamação na região do folículo piloso que costuma aparecer nas áreas que são mais depiladas com lâmina ou cera.

Rosto (principalmente no caso dos homens por causa da área da barba), virilhas , coxas, glúteos e axilas, ou seja, onde os pelos são mais grossos, geralmente são partes do corpo mais propensas a aprensentar bolinhas na pele após a depilação .

Nesses casos, como os folículos de pelos ficam em uma parte mais interna dos poros, eles não são retirados pelas lâminas e, algumas vezes, nem pela cera. “Além disso, como os pelos nascem em diferentes direções, eles podem encravar e inflamar, o que é chamado de pseudofoliculite”, diz a especialista.

Abdo Salomão Jr., dermatologista membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Academia Americana de Dermatologia (AAD), complementa que, essas foliculites acontecem muito mais com lâmina justamente porque ela é a que corta mais rente à pele.

Leia Também:  Jovem choca noiva – e diverte a web – ao colocar cofre na geladeira do casal

“Quando você utiliza lâmina, esse pelo que é cortado muito rente à pele tende a entrar um pouquinho e fica espetando a pele de dentro para fora. Isso cria um processo inflamatório justamente no orifício de saída”, afirma.

Como evitar as bolinhas na pele?


mulher se depilando com lâmina
shutterstock

As bolinhas na pele podem ser um problema se você usa lâmina, mas com algumas dicas simples você consegue evitá-las


Algumas dicas dadas pelos especialistas são essenciais para quem quer evitar esse problema de vez. Confira abaixo:

1. Cuide da pele antes e depois da depilação

De acordo com Abdo, o ideal é fazer um preparo da pele antes da depilação, utilizando produtos que contenham alguns ativos para ação bacteriostática, ou seja, não deixam crescer bactérias ali, e anti-inflamatórias, por exemplo.

“Isso evita a formação de foliculite e a contaminação do folículo. Além disso, costuma ser suficiente para evitar essas bolinhas mesmo com lâmina”, afirma.

Além disso, usar esfoliantes e gel hidratante também ajuda a lâmina a deslizar com mais facilidade. Há até mesmo mulheres que usam azeite de oliva ou condicionador para deixar o processo mais fácil.

A única coisa que não é indicada pelos profissionais é o uso de sabonete para preparar o local que será depilado, porque além de causar ressecamento e descamação da pele, a espuma pode obstruir o aparelho durante o processo de remoção dos pelos.

Leia Também:  Mãe fica em choque após notar erro em bolo de aniversário da filha

Já depois de depilar as partes do corpo como pernas e axilas, por exemplo, é importante lavá-las para remover os óleos naturais da pele. Usar hidratantes com ação calmante também pode ajudar a evitar que as bolinhas apareçam, já que é mais indicado para peles irritadas.

2. Deixe a pele respirar o máximo que puder

“Evite o uso de roupas apertadas e tecidos sintéticos que não deixam a pele ‘respirar’”, recomenda Daniela. É importante deixar que a pele absorva o oxigênio porque é através do ar que ela consegue se manter nutrida, além de deixar fatores como temperatura e transpiração bem regulados, e ajudar a evitar problemas. 

3. Procure outro método de depilação

Daniela afirma que todo método depilatório que cause atrito na pele pode ocasionar as tão faladas bolinhas. “A depilação a laser é a mais indicada nesses casos, pois elimina-se o pêlo pela raiz, diminuindo progressivamente a quantidade de fios e consequentemente, a necessidade de utilizar outro meios potencialmente irritativos para removê-los.”

Abdo concorda e complementa que os lasers podem ser indicados para qualquer tipo de pele e área do corpo. “Hoje, existem tecnologias a laser que realizam a depilação sem dor e sem deixar a pele com foliculites”, diz. 

Costumo ter essas bolinhas na pele sempre que me depilo; e agora?


mulher aplicando creme nas pernsa
shutterstock

Uma dica para você que costuma ter bolinhas na pele depois de se depilar com lâmina é apostar em cremes pós depilatórios


Se você não quer trocar a depilação com lâmina, a dica é apostar em cremes ou loções pós-depilatórios. “Geralmente, os produtos são à base de peróxido de benzoíla, que impede essas bolinhas na pele e a contaminação do folículo”, diz Abdo. Ele também recomenda sempre hidratar a pele e  acalmá-la com óleo vegetal depois de se depilar. 

Fonte: IG Delas
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Mulher

Seu filho faz birra para comer? Saiba quando isso pode indicar doença

Publicado

source

É muito comum encontrar crianças entre dois e seis anos fazendo birra para comer. Elas recusam alguns pratos e falam que não gostam de determinados alimentos sem ao menos terem provado. Tudo isso faz com que tenham um cardápio limitado.

Leia também: Seu filho come demais? Pode ser compulsão alimentar; entenda

criança recusando comer arrow-options
shutterstock

Nem sempre recusar comida é birra para comer; em alguns casos, o comportamento pode indicar distúrbio alimentar

Ao contrário do que muitos pais pensam, o comportamento dos filhos nem sempre é “frescura” ou birra para comer . Segundo Gladia Bernardi, nutricionista funcional especialista em obesidade, é preciso atenção, pois essa recusa pelo alimento pode indicar um distúrbio alimentar chamado TARE ( Transtorno Alimentar Seletivo ). Se não for diagnosticado e tratado corretamente, pode causar uma série de prejuízos à saúde da criança.

O distúrbio alimentar recebe esse nome pois está relacionado à seletividade alimentar , caracterizada pela vasta gama de alimentos que a criança evita ou pelo fato de nem tentar ingerir alimentos novos.  

“Os alimentos consumidos por quem sofre desse transtorno de seletividade costumam ser industrializados, processados ou extremos de doces e salgados. É importante a atenção nesse quesito, pois são hábitos nada saudáveis, que causam prejuízos à saúde, ainda mais quando estamos falando de crianças”, pontua Gladia.

Leia Também:  Horóscopo do dia: previsões para 02 de outubro de 2019

Leia também: Alimentação saudável para as crianças: como ensinar seu filho a comer bem

Atenção à relação com a comida

A nutricionista orienta que para identificar o transtorno os pais devem ficar muito atentos aos detalhes da relação do filho com a comida. Ela explica que existem hábitos mais frequentes que podem deixar claro o problema que a criança está tendo com a comida.

 “Um dos hábitos mais fáceis de identificar é quando a criança come sempre as mesmas comidas, além de ações como fechar a boca com força para evitar a ingestão de qualquer alimento diferente”, aponta. A criança também pode sentir-se enjoada só de sentir o cheiro de algum alimento ou até mesmo ficar ansiosa diante da comida.

criança tampando a boca para comer arrow-options
shutterstock

Fechar a boca para recusar alguma comida pode ser um indicativo do distúrbio alimentar

Percebeu algo em comum com o comportamento do seu filho? Sinal de alerta! Para combater esses sintomas, Gladia orienta levar a criança ao médico e psicólogo.

“Quando você não se sente bem comendo algo, o seu corpo e sua mente rejeitam isso. Então, além de ser importante um nutricionista para voltar a introduzir métodos alimentares saudáveis, é necessário trabalhar a saúde corporal e mental da criança para tornar esse processo o mais fácil possível, tanto para ela, quanto para os pais”, diz a especialista.

Leia Também:  3 hábitos que vão deixar seus pés ressecados e o que fazer para cuidar deles

Leia também: Como evitar que seu filho tenha um paladar seletivo

Como tratar

Entender que pode não ser birra para comer é o primeiro passo para tratar o distúrbio alimentar . Com compreensão, algumas estratégias passam a ser adotadas para aumentar a diversidade alimentar da criança. “Diminuir o estresse e as brigas durante as refeições é uma das dicas mais importantes”, fala Gladia. Para isso, os responsáveis devem promover um ambiente calmo e tranquilo para fazer com que a criança se sinta mais confortável para experimentar novos alimentos. 

Em um primeiro momento, também pode ser interessante confiar nas escolhas da criança e deixar que ela coma a quantidade do novo alimento que quiser. “Pequenos atos como esse, junto ao tratamento que a criança terá com o nutricionista e o psicólogo, farão com que aquela criança comece a experimentar novos alimentos com mais facilidade”, conclui a especialista.

Fonte: IG Delas
Continue lendo

Mulher

Maquiador de Meghan Markle revela como ter o visual da duquesa em 10 passos

Publicado

source

Desde que entrou para a família real britânica, Meghan Markle se tornou um ícone de estilo e beleza. E se você, assim como muitas outras mulheres ao redor do mundo, quer se inspirar na Duquesa de Sussex para ter a pele perfeita com maquiagem, fique ligada nessas dicas.

Leia também: Este é o truque de Kate Middleton para acabar com as dores ao usar salto alto

Meghan Markle no dia do casamento com Harry arrow-options
Reprodução/Instagram/kensingtonroyal/

Quer copiar o look de Meghan Markle? Maquiador ensina como deixar a pele iluminada como a dela usando maquiagem

O maquiador Daniel Martin, que trabalha com Meghan Markle desde que ela atuava em “Suits” e foi responsável por maquiá-la no dia do casamento com o Príncipe Harry, ensina como ter essa pele com “brilho natural” tão característico da duquesa. 

“Seja trabalhando em Hollywood ou fazendo a maquiagem de casamento da minha amiga, eu gosto de manter as coisas o mais natural possível”, diz Daniel ao Daily Mail . Segundo ele, são 10 passos que Meghan seguiu à risca na preparação para o casamento real. Confira!

1. Preparar sua pele

A primeira dica é fazer sua própria rotina de beleza para preparar a pele. O profissional não recomenda uma rotina de limpeza e tonificação antes da maquiagem porque cada pessoa tem um tipo de pele e necessita de produtos específicos. 

2. Base com pincel de sombra

Depois, ele diz que aplica a base com um pincel pequeno, geralmente usado para sombra, do meio do rosto para as extremidades. “Como temos muitas áreas avermelhadas no meio do rosto, é melhor começar aí e depois ir espalhando para o resto com a cobertura que você tem.” 

Leia Também:  Jovem choca noiva – e diverte a web – ao colocar cofre na geladeira do casal

3. Corretivo na área abaixo dos olhos 

O terceiro passo é misturar a base com um corretivo. Para isso, ele aplica os dois produtos em uma esponjinha e aplica na área abaixo dos olhos, usando o dedo para espalhar onde também é necessário. “Gosto de usar a esponja para dar acabamento. Depois, eu pego o corretivo e uso meu dedo para espalhar porque consigo sentir a pele e cobrir o que precisa.”

Leia também: Dietas das Duquesas: aprenda a boa forma de Meghan Markle e Kate Middleton

4. Iluminador misturado na base

A próxima etapa é a chave para ter a pele brilhante de Meghan: misturar um iluminador líquido com um pouquinho mais de base. “Esse passo deixa a pele radiante. Para o casamento real, eu fiz essa mistura para deixar o rosto brilhante e usei o mesmo pincel da base para aplicar.” 

5. Pó translúcido na ‘zona T’

Para fixar a maquiagem e evitar que a pele fique oleosa, o maquiador aplica o pó translúcido na “zona T” (testa, nariz e queixo). “Eu concento o pó nessa área porque quero deixar o rosto muito radiante e expressar isso.”

6. Sombra escura nas pálpebras, sombra clara no canto dos olhos

Para os olhos, Daniel indica usar os dedos para aplicar uma sombra escura nas pálpebras como uma base e, depois, com um pincel, outra mais clara no canto dos olhos para iluminar. “Deitar o pincel ajuda a dar uma forma ao sombreado e depois só acrescendo um pouco de luz com uma tonalidade mais clara ao canto dos olhos.” 

Leia Também:  6 dicas de decoração baratas para mudar os ambientes sem precisar gastar muito

7. Rímel nos cílios superiores e inferiores

A dica para aplicar o delineador é “sempre começar pela base” para preencher todo o cílio, nos superiores e inferiores. Para deixá-los volumosos e evitar que eles fiquem “grudados”, faça um “Z” com o pincel enquanto aplica para espalhar bem o produto. 

8. Delineador líquido na linha d’água

Para finalizar os olhos, o maquiador diz que aplicar um pouco de delineador líquido na linha d’água próxima aos cílios inferiores ajuda a “acrescentar um pouco de drama”.  O efeito fica bastante parecido com um lápis de olho, mas evita que fique “derretido”. 

9. Bronzeador para modelar o rosto

Em vez de usar contorno para definir o rosto, Daniel indica apostar no pó bronzeador, que já é um pouco mais escuro, mas não deixa um efeito artificial. Assim, ele usa um pincel para aplicar na área do maxilar e abaixo das maças do rosto. 

Leia também: 5 truques de beleza de Meghan Markle para uma maquiagem digna de realeza

10. Gloss com pigmento para finalizar

Finalize a maquiagem alá Meghan Markle com um gloss pigmentado. Outra ideia é apostar no lip tint, a tendência de beleza do momento, para dar uma cor à boca, mas sem dar um efeito do pigmento do batom, por exemplo, que é mais aparente. 

Fonte: IG Delas
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana