conecte-se conosco


Turismo

2.066 cabines para 5.300 hóspedes: conheça o maior navio da MSC para a temporada

Publicado

Cruzeiro da MSC partindo em direção ao mar arrow-options
Divulgação/MSC Cruzeiros

MSC Seaview vem ao Brasil pela segunda vez

Com uma estrutura que prioriza a área externa do navio, o MSC Seaview partiu de Gênova, na Itália, para abrir sua temporada no Brasil pela segunda vez desde o seu lançamento. Sua estreia em terras brasileiras foi em novembro de 2018.

Leia mais: Brasil recebe cruzeiro com espetáculos do Cirque du Soleil a bordo em 2020

Os embarques do MSC Seaview no Brasil são todos feitos na cidade de Santos, no litoral de São Paulo, para dois tipos de roteiros. Os menores, de 3 noites, tem como destino Búzios, no Rio de Janeiro e Balneário Camboriú, em Santa Catarina, nesta temporada. Nas rotas maiores pelo País, as viagens duram de 6 a 8 noites e têm a cidade de Salvador, na Bahia, como destino final, sempre passando pela cidade de Ilha Grande e variando em algumas de suas paradas.

Segundo Eduardo Mariani, gerente de marketing da MSC, o design do Seaview é feito para climas quentes , e difere dos outros navios por causa de todas as experiências que ele oferece do lado de fora da embarcação, enquanto os outros modelos priorizam uma experiência mais voltada para a parte interna. 

Além das tradicionais piscinas, o Seaview tem toboáguas que te projetam para fora do navio, tirolesa e ainda conta com uma área de 360º cheia de bares e restaurantes ao ar livre.

Leia mais: De pista de kart a parque: as atrações mais inusitadas já vistas em um cruzeiro

O navio possui 2.066 cabines, que hospedam cerca de 5.300 hóspedes. As acomodações variam entre interna, externa com vista para o mar, cabine com varanda, cabine para famílias, suíte, grand suíte, suíte com hidromassagem e MSC Yatch Club, que conta com outros três tipos de quarto. 

Como forma de entretenimento , o Seaview oferece teatro, cinema, cassino, boutiques, pista de boliche em tamanho real, espaço exclusivos para crianças e mais. Outro diferencial do navio é a Ponte dos Suspiros, uma ponte com chão de vidro suspensa sobre uma das piscinas, o que te permite “caminhar sobre as águas”.

Ponte transparente do MSC Seaview arrow-options
Divulgação/MSC Cruzeiros

Ponte dos Suspiros, atração para os corajosos no MSC Seaview

Enorme e luxuoso , o Seaview parece mais inacessível do que ele de fato é. Um pacote de 7 noites, com saída em fevereiro de 2020 e com destino a Salvador, na Bahia, custa de R$ 4.601 por pessoa**, podendo parcelar em até 10 vezes sem juros. De acordo com o gerente de marketing da MSC, o objetivo da empresa é a “democratização do luxo”.

As tarifas variam de acordo com a demanda, a antecedência da compra e também com a época do ano. Mariani conta que pode sair mais barato um cruzeiro de 16 noites para a Europa do que um cruzeiro de 7 noites no Réveillon, que tem a praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, como parada na noite do dia 31 de dezembro, permitindo ver a tão famosa queima de fogos carioca, mas com a vista do mar para a costa.

Porém, isso também pode variar. “Se vender 80% dos pacotes para o réveillon, a tarifa sobe. Mas se vender 95% dos pacotes para o começo de dezembro, o preço para o cruzeiro desta época vai ficar ainda maior”, diz Mariani.

Leia mais: Conheça as novidades da Ocean Cay, ilha paradisíaca da MSC Cruzeiros

Ainda de acordo com ele, quem vai uma vez, costuma voltar. “O índice de recompra é de 70%”, revela. A grande missão da empresa é atrair cada vez mais novos clientes, já que o retorno é bem comum.

A última partida do MSC Seaview nesta temporada será no dia 19/03/20 e tem como destino a cidade de Barcelona, na Espanha, chegando no dia 04/04/20, com paradas no Rio de Janeiro, na Bahia e em outras três cidades espanholas.

* A repórter viajou a convite da MSC

** O valor foi consultado no dia 06/12 e pode sofrer alterações

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Turismo

Intercâmbio com amor: a história de um casal brasileiro que noivou no exterior

Publicado


source
Casal casa no exterior
Arquivo Pessoal/Reprodução Liberty Mountain Resort)

Casal casa no exterior




Fazer intercâmbio não é somente roteiro de solteiros. O casal, Isaque Bispo e Luna Previatti, são belos exemplos de que não só esse tipo de viagem pode ser feita por casais, como ainda tem espaço belas histórias de amor. O casal trabalhou no exterior por duas temporadas seguidas e, em 2020, Isaque preparou uma surpresa com um pedido de casamento para a companheira na Pensilvânia (Estados Unidos).

“Fomos para Liberty Resort Mountain na Pensilvânia, Tiramos folga juntos e fomos esquiar. Pedi ela em casamento no topo da montanha, foi lindo. Depois a gente ganhou da fotógrafa da Liberty umas fotos profissionais pra lembrar do momento”, conta o noivo.

“Estávamos trabalhando em um resort de ski… Lá no topo da montanha tinha um deck e nós sentamos pra olhar a paisagem. Foi então que ele colocou a minha mão no coração dele e eu senti o anel que estava pendurado num cordão por dentro da roupa dele. Eu fiquei super emocionada e chorei”, relembra Luna.


Constantemente casais sentem uma dificuldade em se mudar para outros países, seja para estudar ou trabalhar, por conta da distância. Por isso, o intercâmbio em casal é uma tendência que vem se desenvolvendo aos poucos e proporciona as mesmas experiências de uma viagem individual, mas com a companhia da pessoa amada.

Você viu?

Para Luna, quando Isaque viajou sozinho, foi horrível passar esse tempo todo longe. Além disso, ela comenta que ele não chegou a passear tanto sozinho como quando viajaram juntos. “Chegamos até a alugar carro para viajar”, relembra. 

Já Isaque, que viajou sozinho entre 2017 e 2018, concorda que a experiência foi melhor ao lado da amada. “Ir com seu parceiro faz com que você aproveite muito mais. Ao invés de só trabalhar eu viajei e curti bem mais”, explica o intercambista.

“Saudade é um sentimento que prejudica vários aspectos da sua saúde mental com efeitos inclusive no modo como você socializa com as pessoas a sua volta. Quando seu parceiro tá do seu lado a viagem é bem mais feliz e colorida”, continua.

Ele complementa dizendo que o homesick, nome dado à saudade de casa que aflige muitos intercambistas, não o atrapalhou quando viajou com a Luna. Durante 2020, eles reformaram todo o apartamento e, finalmente, em novembro conseguiram se mudar e começar suas vidas juntos. “Ainda não nos casamos, pois estamos esperando essa pandemia passar e poder convidar nossos amigos com segurança”, esclarece Luna.

Os benefícios de viajar juntos

Além de estar com quem se gosta e driblar a saudade, a mudança para o exterior pode, inclusive, trazer menos insegurança se houver o apoio do parceiro. Para que isso aconteça, é importante que os dois possuam o interesse em viajar e compartilhar essa jornada diferente em outro país. 

A decisão conjunta e a modalidade de viajar a dois facilita a superação de desafios, diminui os custos (já que um pacote para dois poderá ter descontos) e gastos (como aluguel, alimentação e passeios na cidade), além de melhorar a relação do casal.

Neste tipo de viagem o roteiro pode ser personalizado de acordo com as vontades dos viajantes. Claro que o destino é o mesmo, mas se a escolha for aprender um novo idioma e os níveis de conhecimento forem distintos, as turmas também serão diferentes. Basta pesquisar sobre o que não pode faltar na viagem, o melhor custo benefício, os documentos e burocracias necessárias e, claro, procurar uma agência de intercâmbios especializada.

Fonte: IG Turismo

Continue lendo

Turismo

Casa Vicens, de Gaudí, está disponível para reservas no Airbnb

Publicado


source
Casa Vicens de Gaudí
Reprodução Airbnb

Casa Vicens de Gaudí

A primeira casa projetada por Antoni Gaudí, a Casa Vicens, estará disponível para hóspedes pela primeira vez em 136 anos de existência. Os hóspedes do Airbnb podem realizar a reserva para passar uma noite na casa de veraneio, localizada em Barcelona , a partir de 12 de julho. Durante a permanência dos hóspedes, a casa ficará fechada para o público, para que os visitantes possam explorar de forma exclusiva todos os detalhes do espaço.

A Casa Vicens foi projetada pelo homem que impressionou o mundo com sua extraordinária e extravagante igreja em Barcelona: a Sagrada Família . Os hóspedes que garantirem suas reservas serão recebidos por Emili, anfitriã e uma das integrantes do time que recentemente transformou a primeira obra-prima de Gaudí em uma casa-museu. 

Casa Vicens de Gaudí
Reprodução Airbnb

Casa Vicens de Gaudí

Em um tour exclusivo pela Casa Vicens, considerada como uma das primeiras construções do movimento Art Nouveau, estilo arquitetônico inovador que rompeu com todas as regras do período, a anfitriã irá compartilhar suas percepções e segredos sobre o recente projeto de restauração. 

Casa Vicens de Gaudí
Reprodução Airbnb

Casa Vicens de Gaudí

“Nós estamos entusiasmados em oferecer aos hóspedes a oportunidade de apreciar esta casa da forma com que Gaudí a projetou – como um oásis natural. Estamos comprometidos com a preservação do patrimônio cultural de Gaudí e será um grande prazer compartilhar os segredos do prédio e sua rica história com quem fizer reservas”, disse Emili, anfitriã da Casa Vicens de Gaudí.

Casa Vicens de Gaudí
Reprodução Airbnb

Casa Vicens de Gaudí

Depois de um mergulho profundo na história do prédio, os hóspedes poderão degustar um menu, com estrela Michelin, inspirado em Gaudí, na sala de jantar, um dos ambientes mais emblemáticos da casa, o perfeito cenário para uma refeição íntima e inesquecível.

Você viu?

Casa Vicens de Gaudí
Reprodução Airbnb

Casa Vicens de Gaudí

A noite se encerra no mais privado dos espaços, o quarto principal da família Vicens – outra obra deslumbrante decorada por Gaudí em seu estilo único e inconfundível.

Casa Vicens de Gaudí
Reprodução Airbnb

Casa Vicens de Gaudí

A estadia irá incluir:

  • Um tour especial de boas-vindas com Emili, a anfitriã que faz parte da equipe que transformou a casa histórica em uma casa-museu.
  • Acesso inédito à casa de veraneio do século 19, projetada por Antoni Gaudí.
  • Menu com estrela Michelin inspirado em Gaudí.
  • Café da manhã mediterrâneo completo, no jardim privativo da residência.

As reservas poderão ser feitas a partir do dia 12 de julho de 2021, para estadia de duas pessoas durante uma noite, através do airbnb.com/gaudi . Para se candidatar, é preciso morar na mesma região da casa-museu, em Barcelona, na Espanha.

Casa Vicens de Gaudí
Reprodução Airbnb

Casa Vicens de Gaudí

A acomodação única de uma noite não é um concurso. As reservas são feitas por ordem de chegada. Os hóspedes que cumprirem os requisitos serão elegíveis para a estadia.

Casa Vicens de Gaudí
Reprodução Airbnb

Casa Vicens de Gaudí

Os interessados devem observar que as regras da casa seguem estritamente as diretrizes locais da Covid-19. Para garantir a segurança dos hóspedes, a limpeza da mansão seguirá todas as exigências estabelecidas no Protocolo Avançado de Higienização do Airbnb.

Fonte: IG Turismo

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana