conecte-se conosco


Saúde

11 nutrientes importantes para consumir durante a gravidez

Publicado

11 nutrientes importantes para consumir durante a gravidez
Redação EdiCase

11 nutrientes importantes para consumir durante a gravidez

Alimentação é fundamental para garantir a saúde da mãe e do bebê ao longo dos meses

Durante a gestação é fundamental manter uma dieta equilibrada. Isso porque é preciso garantir todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento do bebê e saúde da mãe. A seguir, a nutricionista Daniela Cyrulin sugere alguns alimentos e nutrientes que devem ser incorporados ao cardápio da futura mãe. Mas lembre-se que é importante consultar um médico antes de realizar qualquer mudança na alimentação.

1. Proteínas

Garante o crescimento e desenvolvimento do bebê e a formação da placenta, líquido amniótico e aumento do útero. Além disso, as proteínas são ricas em ferro, vitaminas do complexo B e fósforo.

Onde encontrar: carne, clara do ovo, peixe, frango e leguminosas.

> Conheça a diferença entre dieta e reeducação alimentar

2. Cálcio

Responsável pela formação dos ossos e dentes do bebê , além de reposição do cálcio materno. Previne o aparecimento de pressão alta no final da gestação.

Onde encontrar: leite e derivados e vegetais verdes-escuros.

3. Ferro

Previne a anemia e garante a distribuição de oxigênio para o feto e mãe.

Onde encontrar: gema do ovo, carne, frango, peixe, beterraba, agrião.

4. Fósforo e Vitamina D

Ajudam no uso do cálcio para a formação de ossos e dentes e fortalecimento deles.

Onde encontrar: proteínas e por meio do banho de sol.

> 4 atitudes que ajudam a prevenir e tratar o estresse

5. Ácido fólico

Sua deficiência pode provocar má-formação do sistema nervoso do bebê (principalmente no primeiro trimestre de gestação ).

Onde encontrar: espinafre, brócolis, feijão, frutas cítricas e pão integral.

6. Vitamina C

Aumenta a absorção do ferro e a imunidade contra infecções respiratórias.

Onde encontrar: frutas cítricas.

7. Magnésio

Relaxa a musculatura do útero e das artérias uterinas, evitando contrações fora de hora e pressão alta.

Onde encontrar: proteínas.

> Saiba como eliminar peso comendo todas as refeições diárias

8. Cobre

Ajuda a evitar a anemia, além de ser responsável pela formação de elementos importantes do sistema neurológico do bebê.

Onde encontrar: chocolate/cacau.

9. Complexo B

Atua no crescimento do cérebro e desenvolvimento do sistema neurológico.

Onde encontrar: proteínas.

10. Zinco

Aumenta a defesa do corpo contra micróbios.

Onde encontrar: o zinco pode ser encontrado, em pequenas quantidades, em alimentos como fígado, ostras, mariscos, carne de vaca, porco, cordeiro e ave, leite, gema de ovo, pão e cereais integrais.

11. Ômega 3

Desenvolve a visão (formação da retina), regula a pressão e ajuda a evitar a depressão pós-parto.

Onde encontrar: peixes de água fria, como o salmão.

Veja mais conteúdos na  revista ‘Saúde e Bem-estar’

Fonte: IG SAÚDE

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Saúde

Brasil registra 37 mortes por covid-19 em 24 horas

Publicado

Em 24 horas, foram registrados 4.429 novos casos de covid-19 no Brasil. No mesmo período, houve 37  mortes de vítimas do vírus. O Brasil soma desde o início da pandemia 681.437 mortes por covid-19, segundo o boletim epidemiológico divulgado neste domingo (14), pelo Ministério da Saúde. O número total de casos confirmados da doença é de 34.170.286.

Ainda segundo o boletim, 32.993.386 pessoas se recuperaram da doença e 495.463 casos estão em acompanhamento. No levantamento de hoje, não consta atualização dos dados de óbitos em Mato Grosso do Sul, do Distrito Federal, do Maranhão e de Minas Gerais. Já os estados de Mato Grosso, Rio de Janeiro, Roraima, Rio Grande do Norte e Tocantins não atualizaram nem o número de casos nem de morte.

Estados

Segundo os dados disponíveis, São Paulo lidera o número de casos, com 5,97 milhões, seguido por Minas Gerais (3,85 milhões) e Paraná (2,71 milhões). O menor número de casos é registrado no Acre (147,5 mil). Em seguida, aparecem Roraima (173,9 mil) e Amapá (177,7 mil).

Em relação às mortes, de acordo com os dados mais recentes disponíveis, São Paulo apresenta o maior número (173.652), seguido de Rio de Janeiro (75.162) e Minas Gerais (63.257). O menor total de mortes situa-se no Acre (2.025), Amapá (2.155) e Roraima (2.165).

Boletim Epidemiológico Boletim Epidemiológico

Boletim Epidemiológico – 14/08/2022/Divulgação Ministério da Saúde

Vacinação

De acordo com os últimos dados divulgados, foram aplicadas 471,7 milhões de doses de vacinas contra a covid-19, sendo 178,7 milhões com a primeira dose e 159,8 milhões com a segunda dose. A dose única foi aplicada em 4,9 milhões de pessoas. Outras 104,4 milhões já receberam a primeira dose de reforço, e 18,9 milhões receberam a segunda dose de reforço.

Edição: Claudia Felczak

Fonte: EBC Saúde

Continue lendo

Saúde

Ministério da Saúde: Queiroga anuncia novo secretário-executivo

Publicado

Marcelo Queiroga e Bruno Silva Dalcolmo
Reprodução: redes sociais – 14/08/2022

Marcelo Queiroga e Bruno Silva Dalcolmo

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, indicou Bruno Silva Dalcolmo para assumir a secretaria-executiva do Ministério da Saúde. O anúncio foi feito neste sábado através das redes sociais do ministro.

“Dalcolmo substituirá Daniel Pereira, que passa a fazer parte da diretoria da Anvisa”, disse Queiroga em uma rede social.

Em postagem, o ministro da Saúde ainda teceu elogios ao novo secretário e disse que recebeu referências dos ministros Paulo Guedes e Bruno Bianco.

“Já conhecia o Bruno e seu trabalho e também recebi ótimas referências dos Ministros Paulo Guedes e Bruno Bianco. Certamente ele ajudará muito a saúde do nosso País. Sigo usando os mesmo critérios para escolha dos secretários do Ministério da Saúde: servidores de carreira, especializados e com larga experiência nas áreas em que assumem. Desejo sorte ao servidor Daniel Pereira, que certamente contribuirá muito para a Anvisa e para o Brasil”, disse Queiroga.

Dalcolmo já foi secretário-executivo do Ministério do Trabalho e é servidor de carreira. Além disso, ele também já atuou como secretário do Trabalho do Ministério da Economia, sub-chefe adjunto da Subchefia de Análise Governamental (SAG) da Presidência da República e assessor especial da Casa Civil.






Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana