Aécio e Alckimin são vaiados, hostilizados, xingados e retirados de protesto

Comentários