conecte-se conosco


Policial

Sesp-MT lança operação com foco em regiões próximas a rodovias federais

Publicado

Nara Assis | Sesp-MT 

Com o objetivo de fortalecer o combate a crimes nas regiões de influências das rodovias federais, a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) deflagra a Operação Integrada Salutem. O lançamento ocorre na manhã desta quinta-feira (16), no trevo da Rodovia Mario Andreazza com a Estrada da Guarita, em Várzea Grande.

A ação visa à prevenção e repressão imediata aos crimes de roubos e furtos de veículos e cargas, adulterações de sinais de identificação veicular, tráfico de entorpecentes, transporte irregular de cargas, porte ilegal de arma de fogo, descumprimento de medidas sanitárias, entre outros. Para isso, a Sesp conta com a parceria da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea-MT).

Serão contempladas as Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp’s) I e II, com sede em Cuiabá e Várzea Grande, respectivamente. Os municípios que compõem a Risp I são, além da Capital, Planalto da Serra, Chapada dos Guimarães, Nova Brasilândia, Acorizal, Santo Antônio de Leverger, Barão de Melgaço. Já a Risp II é composta, além de Várzea Grande, por Nobres, Jangada, Rosário Oeste, Nossa Senhora do Livramento e Poconé.

Leia Também:  Polícia Civil soluciona 92% dos casos de pessoas desaparecidas

Os policiais que atuarão na Operação Salutem receberam capacitação, entre os dias 1º e 30 de abril, a respeito de identificação veicular e documental. Participaram desta primeira fase 92 pessoas, entre agentes de fiscalização de trânsito dos municípios, do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), da PRF e do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran).

As próximas fases consistem em profilaxia (barreiras e saturação), contenção (cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão). A previsão é que a operação seja realizada ao longo de 30 dias, incluindo todas as fases e etapas.

A operação é realizada de forma integrada pelas Polícias Militar (PM-MT), Judiciária Civil (PJC-MT), Rodoviária Federal (PRF), Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Detran, Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), Indea, Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz-MT) e Guarda Municipal de Várzea Grande.

 

Fonte: PJC MT
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Policial

Operação da Polícia Civil e Procon apreende mais de 12 mil produtos piratas em Cuiabá

Publicado

Operação ocorreu na manhã desta terça-feira

Uma operação integrada da Delegacia Especializada do Consumidor (Decon) e Procon Municipal foi deflagrada, na manhã desta terça-feira (21), com objetivo de combater a comercialização de produtos piratas na Capital. A ação realizada no local conhecido como “Shopping China”, no Centro de Cuiabá, resultou na apreensão de mais de 12 mil mídias piratas, entre CD’s e DVD’s.

O estabelecimento é formado por várias pequenas lojas, denominadas “boxes” de comercialização de produtos, sendo dois pontos alvos da operação. Em uma das lojas foram apreendidas 10.656 mil mídias piratas e no segundo “box” fiscalizado foram encontradas mais 2.065 mídias falsificadas, totalizando 12.721 CD’s e DVD’s apreendidos.

Os responsáveis pelas lojas foram encaminhados a Decon, onde foram interrogados pelo delegado Antônio Carlos Araújo e responderão pelo crime de violação de direito autoral, previsto no artigo 184, paragrafo 2º, do Código Penal.

De acordo com o titular da Decon, além de comercializar os produtos ilícitos, os proprietários dos boxes também não possuíam alvará de funcionamento. Araújo explicou que apesar de comum entre a sociedade, a prática de vender mídias piratas é crime e não se admite a aplicação do princípio da adequação social.

“O superior Tribunal de Justiça, pacificou o entendimento sobre o assunto, editou a Súmula 502, que consolida a questão sobre a conduta de expor à venda CDs e DVDs piratas. Os envolvidos com o comércio irregular serão interrogados, sendo instaurado inquérito policial para apuração da conduta e responsabilização dos envolvidos”, destacou o delegado.  

Participaram da operação, os policiais da Decon, os fiscais do Procon Municipal e com o apoio dos policiais civis da Diretoria de Execução Estratégica (DEE).

 

Leia Também:  Mulher é presa ao tentar viajar até o RJ com bloqueador de sinal usado em assaltos a banco
Continue lendo

Policial

PM prende dois suspeitos por roubo e recupera pertences da vítima

Publicado

Policiais Militares prenderam dois suspeitos de assaltar uma mulher, nesta terça–feira (21), no bairro Mangabeira, em Várzea Grande. O celular e outros pertences da vítima foram recuperados na ação.

A mulher procurou a polícia após ter sido roubada por dois homens em uma motocicleta em via pública. A vítima foi ameaçada e rendida sob a ameaça de uma arma de fogo. O celular e outros pertences foram levados no assalto.

A polícia chegou até os suspeitos após rastrear o aparelho celular da vítima, localizado no bairro Manaíra, em Várzea Grande. Com K.R.R.(33) e D.D.M.(35) os policiais localizaram o celular, fones de ouvido e outros pertences da vítima.

O suspeito K.R.R.(33) ainda estava em posse de uma porção de maconha. Os dois homens foram reconhecidos pela vítima do roubo. Os suspeitos foram conduzidos para a delegacia de flagrantes.

Leia Também:  Universitário é detido após ameaçar colegas de faculdade em Colíder
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana