SELECT p.*, IF(LENGTH(fotos)>10,0,(SELECT id FROM w229_post_fotos WHERE post=p.id ORDER BY principal DESC, id LIMIT 1)) AS fotoGal FROM w229_post AS p WHERE p.id=32012 LIMIT 1
O Documento - Comissão do TJMT volta a retirar escolta de segurança de juíza aposentada em MT

DIREITO SUSPENSO

Comissão do TJMT volta a retirar escolta de segurança de juíza aposentada em MT

Por: Da Redação
De acordo com a decisão, Selma Arruda não tem mais direito ao benefício
De acordo com a decisão, Selma Arruda não tem mais direito ao benefício

A Comissão de Segurança do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) determinou nesta terça-feira (12) a suspensão definitiva da escolta policial da juíza aposentada Selma Arruda, cedida pelo governo. Após a aposentadoria no mês de março, Selma havia solicitado a manutenção da escolta policial sob a alegação de receber ameaças de membros de uma facção criminosa.

Em maio, a ex-juiza teve o benefício suspenso, porém retomado temporariamente por decisão do presidente do TJ, desembargador Rui Ramos.

Selma atuou na Sétima Vara Criminal contra o Crime Organizado da Capital e ganhou notoriedade depois de mandar prender alguns políticos do estado, entre eles o ex-governador Silval Barbosa (MDB), acusado de chefiar um esquema de desvio de dinheiro público no governo, e o ex-presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), José Geraldo Riva, além de membros da facção criminosa Comando Vermelho. Antes de se aposentar, Selma era escoltada por nove policiais militares, que se revezam em plantões.

De acordo com relatório da Comissão de Segurança de Segurança do TJ, a juíza aposentada teria quebrado protocolo de segurança ao comparecer em locais de grande presença de público e usando a escolta para eventos políticos e fins particulares. A juíza aposentada é pré-candidata ai Senado pelo PSL.

 

 

 

Comentários

Atenção! Seu comentário é de sua inteira responsabilidade.
O site "O Documento" é livre para rejeitar comentários ofensivos, com linguajar de baixo calão, denúncias sem evidências e outros que julgar inapropriados. Mesmo que o seu comentário seja aprovado pela nossa equipe, a responsabilidade sobre ele continua sendo sua.
O IP da sua conexão (54.92.160.119) será armazenado e disponibilizado às possíveis vítimas caso este espaço seja utilizado para atingir a honra ou prejudicar a imagem de alguém.
Enviar
    SELECT id,nome,email,comentario,i_cadastro,positiv,negativ,aprovado FROM w229_post_coment AS t WHERE aprovado>=0 AND post_id=32012 ORDER BY id DESC