SELECT p.*, IF(LENGTH(fotos)>10,0,(SELECT id FROM w229_post_fotos WHERE post=p.id ORDER BY principal DESC, id LIMIT 1)) AS fotoGal FROM w229_post AS p WHERE p.id=28142 LIMIT 1
O Documento - Estelionatário que se passava por fiscal da prefeitura é preso por extorquir ambulantes

171

Estelionatário que se passava por fiscal da prefeitura é preso por extorquir ambulantes

Por: Da Redação
Joaquim André Soares Neto cobrava propinas para vender falsas e exigir votos de ambulantes que trabalham na região central de Cuiabá
Joaquim André Soares Neto cobrava propinas para vender falsas e exigir votos de ambulantes que trabalham na região central de Cuiabá

Um estelionatário foi preso após extorquir um casal de vendedores ambulantes que trabalha no centro de Cuiabá.  Joaquim André Soares Neto se passava por fiscal da prefeitura e cobrou R$ 750 para autorizar a comerciante a trabalhar nas ruas com um carrinho de venda de açaí. Em entrevista à TV Centro América, a comerciante afirmou que o estelionatário se apresentou como coordenador dos fiscais da Prefeitura de Cuiabá, lhe entregou um formulário e pediu o seu título de eleitor.

“Ele chegou e se apresentou pelo nome de André, dizendo que era coordenador dos fiscais há seis anos. Entregou um formulário da prefeitura e fiz o pagamento de R$ 750 para ele. Ele pediu meu título de eleitor, dizendo que eu não conseguiria a autorização para trabalhar se não tivesse e disse que ia precisar de mim e da minha família, relatando que tem o candidato dele, e que esse candidato estava dando estas autorizações para o pessoal trabalhar”, explicou Allana Rocha.

Allana gravou uma das conversas que teve com o estelionatário. “Vou precisar de você, este ano, sua família, seu marido, porque sabe que tem meu candidato, né”, disse.

O falso fiscal foi identificado e preso por estelionato. De acordo com o secretário-adjunto de fiscalização, Benedito Alfredo Granja, os fiscais trabalham identificados e não cobram taxas dos comerciantes. "Os agentes quando vão no comércio, nas empresa, vai credenciado, com carro oficial. Se não tiver uniforme, é preciso que o comerciante peça a identidade funcional", disse.

A Secretaria Municipal de Trabalho informou que  cerca de 400 pontos para vendedores ambulantes foram mapeados e que nesta semana será realizada uma reunião com a categoria para tratar de processos de autorização para que os locais possam continuar funcionando dentro da lei.

Comentários

Atenção! Seu comentário é de sua inteira responsabilidade.
O site "O Documento" é livre para rejeitar comentários ofensivos, com linguajar de baixo calão, denúncias sem evidências e outros que julgar inapropriados. Mesmo que o seu comentário seja aprovado pela nossa equipe, a responsabilidade sobre ele continua sendo sua.
O IP da sua conexão (54.144.14.134) será armazenado e disponibilizado às possíveis vítimas caso este espaço seja utilizado para atingir a honra ou prejudicar a imagem de alguém.
Enviar
    SELECT id,nome,email,comentario,i_cadastro,positiv,negativ,aprovado FROM w229_post_coment AS t WHERE aprovado>=0 AND post_id=28142 ORDER BY id DESC