SELECT p.*, IF(LENGTH(fotos)>10,0,(SELECT id FROM w229_post_fotos WHERE post=p.id ORDER BY principal DESC, id LIMIT 1)) AS fotoGal FROM w229_post AS p WHERE p.id=29592 LIMIT 1
O Documento - Ao custo de R$ 12,6 milhões, obra do Complexo da Salgadeira será entregue em abril

TURISMO

Ao custo de R$ 12,6 milhões, obra do Complexo da Salgadeira será entregue em abril

Por: Da Redação
O ponto turístico deverá ser reaberto aos mato-grossenses e turistas no aniversário de 299 anos de Cuiabá
O ponto turístico deverá ser reaberto aos mato-grossenses e turistas no aniversário de 299 anos de Cuiabá

O complexo turístico da Salgadeira será entregue à população no aniversário de Cuiabá. Nesta sexta-feira, o governador Pedro Taques visitou nesta sexta-feira (09) o local, que está com 95% da obra concluída. O ponto turístico, fechado há quase oito anos, deverá ser reaberto aos mato-grossenses e turistas nas comemorações do aniversário de 299 anos de Cuiabá.

“Esta obra começou errada. Com projeto e contrato mal feito. Tivemos que refazer toda a obra, trazendo melhorias como a estação de tratamento de esgoto, que não tinha no projeto antigo. Também estamos conversando com o Ministério Público em relação ao banho em determinados lugares do complexo. O Poder Executivo defende a possibilidade de banho em determinadas áreas, mas o MP está levantando algumas questões e temos que respeitar e continuar a conversa”, disse o governador.

O custo total da obra é de R$ 12,6 milhões e está sendo executada pela empresa Concremax. O novo complexo da Salgadeira terá 96 vagas para veículos, sendo seis para ônibus e 90 para carros. Contará ainda com 12 banheiros entre eles sanitários adaptados para pessoa com deficiência e com chuveiros. O local terá ainda restaurante, mini-museu, loja de souvenir, posto policial, duas guaritas, 500 metros de trilhas suspensas e um mini-auditório para atendimento ao turista.

“Algumas novidades foram incluídas no projeto, como a rede de tratamento de esgoto e segurança permanente. Agora estamos terminando os trabalhos de paisagismo, trilhas suspensas e a escadaria de acesso a cachoeira”, informou o secretário de Estado de Cidades, Wilson Santos.

O secretário adjunto de Turismo do Estado, Luis Carlos Nigro, destacou que a Salgadeira será mais um local para o turismo no estado, com infraestrutura. “Será feita a concessão para a iniciativa privada por meio de concorrência pública, que deverá ser lançada ainda neste mês. A ideia é explorar o complexo por meio do estacionamento e da locação de lojas e restaurante. A visitação será gratuita”, disse.

Visitação ordenada

A sustentabilidade também foi uma preocupação na elaboração do projeto, segundo o secretário. “As visitações serão ordenadas em passarelas. Teremos estação de tratamento de esgoto e o lixo será recolhido será de forma ordenada e armazenado em local adequado”, completou Nigro.

Pró-Estradas

Durante a visita o governador Pedro Taques anunciou a pavimentação do trecho de oito quilômetros que liga a rodovia estadual Emanuel Pinheiro (MT 251) até o distrito do Coxipó do Ouro. “Antes do aniversário de Cuiabá daremos a ordem de serviço para a pavimentação”, disse.

Taques disse ainda que as obras do trecho de 23 quilômetros que liga a Água Fria à rodovia MT-251 serão retomadas e que o trecho do rio Mutuca até o Cachoerinha será reconstruído. “Estamos buscando a licença ambiental para reconstruirmos do Mutuca até a Cachoerinha, que também faz a parte do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães.”

O governador também vistoriou a estrada e trincheira no entroncamento da MT-010 (Estrada da Guia) com a MT-251, um dos principais acessos à Chapada dos Guimarães. De acordo com o superintendente de Obras da Secretaria de Estado de Infraestrutura, Diogo Menezes, a trincheira tem a concepção de uma obra pré-moldada, tornando a construção mais limpa e mais e rápida. “É um conceito novo que não trará problemas de infiltração e drenagem”, disse.

Taques destacou que todas as saídas de Cuiabá serão duplicadas trazendo melhor locomoção dos moradores nas estradas. “De Cuiabá a Santo Antônio de Leverger está sendo finalizada, assim como do Atacadão até a Fundação Bradesco, que devemos entregar ainda neste primeiro semestre. Temos ainda está obra da estrada da Guia que será um presente para a população de Mato Grosso e Cuiabá”.

 

Comentários

Atenção! Seu comentário é de sua inteira responsabilidade.
O site "O Documento" é livre para rejeitar comentários ofensivos, com linguajar de baixo calão, denúncias sem evidências e outros que julgar inapropriados. Mesmo que o seu comentário seja aprovado pela nossa equipe, a responsabilidade sobre ele continua sendo sua.
O IP da sua conexão (54.198.23.251) será armazenado e disponibilizado às possíveis vítimas caso este espaço seja utilizado para atingir a honra ou prejudicar a imagem de alguém.
Enviar
    SELECT id,nome,email,comentario,i_cadastro,positiv,negativ,aprovado FROM w229_post_coment AS t WHERE aprovado>=0 AND post_id=29592 ORDER BY id DESC