SELECT p.*, IF(LENGTH(fotos)>10,0,(SELECT id FROM w229_post_fotos WHERE post=p.id ORDER BY principal DESC, id LIMIT 1)) AS fotoGal FROM w229_post AS p WHERE p.id=31190 LIMIT 1
O Documento - Na Vila Belmiro, Luverdense sai na frente, mas toma goleada do Santos

COPA DO BRASIL

Na Vila Belmiro, Luverdense sai na frente, mas toma goleada do Santos

Por: JORGE MACIEL -Futebolpress
Itaqui abriu o placar para o Luverrdense, que cansou e não segurou o time santista
Dioogo Silva até que conteve o ataque do Peixe com boas intervenções, mas não aguentou o bombardeio
Dioogo Silva até que conteve o ataque do Peixe com boas intervenções, mas não aguentou o bombardeio

O Santos deu um verdadeiro susto em seu torcedor, mas contou com o talento de seus homens de frente para golear a Luverdense por 5 a 1 nesta quinta-feira, na Vila Belmiro, e encaminhar vaga às quartas de final da Copa do Brasil. Depois de fazer um péssimo primeiro tempo e ver o adversário abrir o placar, o time da casa arrancou na etapa final, com três gols de Gabriel.

Criticado por um suposto estilo "retranqueiro" sob o comando de Jair, o Santos pouco mostrou quando precisou ser ofensivo no primeiro tempo. A ausência de um meia criador voltou a fazer falta e as principais chances se resumiram a cruzamentos. Somente após a virada, a equipe se soltou e encontrou espaços para usufruir do talento de seu jogadores.

A goleada deixou o Santos em ótimas condições para o confronto de volta, quinta-feira que vem, no Passo das Emas. Antes, porém, a equipe volta a campo pelo Brasileirão, diante do Paraná, domingo, na Vila Belmiro. Já o Luverdense, que estreou na Copa do Brasil nas oitavas graças ao título da última Copa Verde, deve se contentar com a disputa da Série C.

SUSTO!
Se o resultado foi dos piores, o Luverdense começou melhor diante do Santos. Depois de dois ataques perigosos, os visitantes abriram o placar aos 10 minutos. Itaqui cobrou falta da esquerda para a área, a bola passou por todo mundo e morreu no canto esquerdo de Vanderlei.

O Santos tratou de responder indo para cima, mas desorganizadamente. Sem criatividade, restou ao time apostar nas jogadas pelo alto. Aos 13, Gustavo Henrique perdeu em duas chances seguidas, ambas em cruzamento de Jean Mota. Na primeira, cabeceou em cima de Diogo Silva. Na segunda, tentou de primeira e jogou por cima.

O Luverdense apostava no contragolpe, mas pouco assustava. Do outro lado, o Santos seguia com dificuldades. De cabeça, Eduardo Sasha exigiu grande defesa de Diogo Silva aos 21. Mas três minutos depois, Victor Ferraz cruzou da direita e encontrou Gabriel, que subiu sozinho na linha da pequena área e igualou o placar.

Nos minutos finais, O Luverdense assustou com Paulo Renê, que parou em grande defesa de Diogo Silva. Mas no segundo tempo, o Santos acordou. Aos cinco, quase marcou em linda cobrança de falta de Jean Mota. Aos 13, Gustavo Henrique aproveitou falta batida por Vitor Bueno e virou.

BRILHOU A ESTRELA
O segundo gol embalou o time da casa, enquanto o Luverdense mostrou sentir a virada e o cansaço. Se chegou a sonhar com uma vitória, os visitantes viram a derrota se transformar em goleada em poucos minutos, nos pés de Gabriel.

Aos 17, foi o Santos que encontrou rápido contra-ataque pela esquerda. Rodrygo arrancou, deixou o zagueiro no chão e encheu o pé, para grande defesa de Diogo Silva. No rebote, Gabriel fez o terceiro. Cinco minutos mais tarde, Victor Ferraz recebeu pela direita e cruzou para Gabriel, que tocou de letra, de leve, para marcar um golaço.

O duelo se transformou em um "ataque contra defesa", e o Santos só não ampliava pelo dia inspirado de Diogo Silva e a falta de pontaria de seus atacantes. Isso até os 40 minutos, quando Yuri Alberto, que acabara de entrar, recebeu sozinho na área e desviou para a rede, selando o placar.

FICHA TÉCNICA
Santos 5 x 1 Luverdense

Local: Vila Belmiro, em Santos
Data: 10 de maio de 2018
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Michael Correia e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)
Público e renda: 3.590/R$ 90.725,00
Cartões amarelos: SANTOS: Gabigol e Alison. LUVERDENSE: Paulinho, Rafael Silva e Moisés..

GOLS:
Santos: Gabigol, aos 24 do 1T, 17 e 22 do 2T; Gustavo Henrique e Yuri Alberto, aos 13 e 40 do 2T
Luverdense: Itaqui, aos 11 do 1T

SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Dodô; Alison (Yuri), Jean Mota e Vitor Bueno; Gabigol, Rodrygo e Eduardo Sasha (Yuri Alberto)
Técnico: Jair Ventura

LUVERDENSE: Diogo Silva; Itaqui, Kaique, André Ribeiro e Paulinho; Diogo Sodré, Moisés e Elton (Rubinho); Lucas Braga (Adriano), Rafael Silva e Paulo Renê (Ariel)
Técnico: Luizinho Vieira

Comentários

Atenção! Seu comentário é de sua inteira responsabilidade.
O site "O Documento" é livre para rejeitar comentários ofensivos, com linguajar de baixo calão, denúncias sem evidências e outros que julgar inapropriados. Mesmo que o seu comentário seja aprovado pela nossa equipe, a responsabilidade sobre ele continua sendo sua.
O IP da sua conexão (54.81.254.212) será armazenado e disponibilizado às possíveis vítimas caso este espaço seja utilizado para atingir a honra ou prejudicar a imagem de alguém.
Enviar
    SELECT id,nome,email,comentario,i_cadastro,positiv,negativ,aprovado FROM w229_post_coment AS t WHERE aprovado>=0 AND post_id=31190 ORDER BY id DESC