SELECT p.*, IF(LENGTH(fotos)>10,0,(SELECT id FROM w229_post_fotos WHERE post=p.id ORDER BY principal DESC, id LIMIT 1)) AS fotoGal FROM w229_post AS p WHERE p.id=27139 LIMIT 1
O Documento - Expectativa da CDL Cuiabá é de crescimento de até 10% nas vendas para o natal

OTIMISMO

Expectativa da CDL Cuiabá é de crescimento de até 10% nas vendas para o natal

Por: Da Redação
Além do aumento do consumo das famílias, existe a perspectiva de empregos temporários
Além do aumento do consumo das famílias, existe a perspectiva de empregos temporários

Os empresários da capital mato-grossense estão otimistas, já que se aproxima a data de melhores vendas do ano para o comércio, o natal. A expectativa de economistas é de um acréscimo de aproximadamente 4,3% nas vendas em relação ao ano anterior, porém, diretores da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Cuiabá acreditam em um aumento de até 10% nas vendas.

“O nosso cenário aqui em Mato Grosso é distinto dos demais Estados, aqui a economia gira de forma diferenciada, além disso, temos a nosso favor a queda da inflação e juros menores, o que com certeza irá contribuir para melhores vendas para o natal deste ano”, afirmou o presidente da CDL Cuiabá, Nelson Soares Junior.

A CDL Cuiabá prevê ainda, que mesmo os brinquedos sendo o carro-chefe da data, a perspectiva é de que outros segmentos peguem carona neste crescimento e que a lista de presentes para o Natal seja variada, beneficiando assim, outros segmentos. “Esta data realmente é diferente, pois todos os setores conseguem alavancar vendas, já que os presentes são mais diversificados, do que em outras datas comemorativas”, disse Soares, acreditando que a média por presente deve ficar em torno 110 a 130 reais.

Outro fator que indica que as vendas devem ser melhores neste ano é o mercado de trabalho brasileiro, que movimentou R$ 188,1 bilhões em salários no terceiro trimestre de 2017. O resultado representa quase R$ 7 bilhões a mais em circulação na economia no período de um ano, impulsionando essa expectativa para o fim do ano, conforme pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Para Soares ainda, as probabilidades para o Natal são positivas também “pela melhoria do consumo das famílias, que responde por cerca de 60% do PIB, e que está dando sinais de retomada, ainda que lentamente. E a perspectiva de empregos temporários reforça a confiança dos empresários, que tendem a elevar os investimentos a médio prazo”, afirmou, ressaltando ainda que esses “são sinais macroeconômicos fundamentais para garantir um crescimento sustentado da economia”.

Assim como os demais comerciantes em geral, o empresário Júnior Macagnan também está otimista. Ele acredita que os problemas políticos que assolam o Estado e até mesmo o País não devem influenciar mais tão fortemente na economia. “Estamos vivendo outro momento. A economia esta se dissociando cada vez mais da política e isso é muito positivo. Nos traz mais esperança de dias melhores para o comércio, diante disso, acreditamos que faremos boas vendas para o natal desse ano e que conseguiremos atingir nossa meta de crescimento em relação ao ano passado”.

 

Comentários

Atenção! Seu comentário é de sua inteira responsabilidade.
O site "O Documento" é livre para rejeitar comentários ofensivos, com linguajar de baixo calão, denúncias sem evidências e outros que julgar inapropriados. Mesmo que o seu comentário seja aprovado pela nossa equipe, a responsabilidade sobre ele continua sendo sua.
O IP da sua conexão (54.145.16.43) será armazenado e disponibilizado às possíveis vítimas caso este espaço seja utilizado para atingir a honra ou prejudicar a imagem de alguém.
Enviar
    SELECT id,nome,email,comentario,i_cadastro,positiv,negativ,aprovado FROM w229_post_coment AS t WHERE aprovado>=0 AND post_id=27139 ORDER BY id DESC