SELECT p.*, IF(LENGTH(fotos)>10,0,(SELECT id FROM w229_post_fotos WHERE post=p.id ORDER BY principal DESC, id LIMIT 1)) AS fotoGal FROM w229_post AS p WHERE p.id=38841 LIMIT 1
O Documento - Fronteira da Venezuela com o Brasil segue fechada em Roraima

BLOQUEIO

Fronteira da Venezuela com o Brasil segue fechada em Roraima

Por: Da Redação
Passagem de pedestres não é permitida pela aduana. Venezuelanos usam caminhos alternativos, as chamadas trincheiras, para atravessar a pé, mas militares de Maduro tentam impedir passagem
Passagem de pedestres não é permitida pela aduana. Venezuelanos usam caminhos alternativos, as chamadas trincheiras, para atravessar a pé, mas militares de Maduro tentam impedir passagem

A fronteira da Venezuela com o Brasil segue fechada na manhã desta sexta-feira (22), após Nicolás Maduro determinar o bloqueio por tempo indeterminado. Normalmente, a passagem é fechada à noite e reabre por volta das 7h do dia seguinte (horário local, às 8h de Brasília), o que não aconteceu nesta manhã.

Venezuelanos não podem atravessar a fronteira a pé e nem de carro. No entanto, desde o início da manhã, o G1 conseguiu observar vários grupos de venezuelanos usando rotas alternativas no entorno da BR-174, bloqueada pela Venezuela.

Parte desses caminhos ficam muito perto ao posto oficial de controle dos dois países e por volta das 8h30 guardas venezuelanos intensificaram a fiscalização pelo entorno da rodovia no intuito de conter a passagem irregular de pessoas para o país.

Nas rotas clandestinas, os guardas abordam quem tenta cruzar a fronteira a pé pelo lado venezuelano e impedem a passagem pela mata, mas ainda assim há pessoas que burlam a fiscalização e conseguem atravessar os limites entre os dois países.

Do lado brasileiro, na BR-174, o trânsito é liberado, mas quem tenta entrar na Venezuela não consegue autorização de militares do país vizinho. Por volta das 8h20, um grupo de cerca de 50 pessoas e três carros tentou passar na aduana, mas foi impedido de entrar na Venezuela.

A bandeira da Venezuela, que normalmente é hasteada por volta das 6 horas, só foi erguida quase duas horas depois por oficiais na fronteira. A barreira brasileira, no entanto, foi reaberta normalmente.

No fim da manhã, por volta das 11h15, um grupo de venezuelanos baixou a bandeira e deixou a meio mastro. Eles gritaram palavras de ordem e afirmaram que o ato era contra a ditadura de Maduro.

 

Comentários

Atenção! Seu comentário é de sua inteira responsabilidade.
O site "O Documento" é livre para rejeitar comentários ofensivos, com linguajar de baixo calão, denúncias sem evidências e outros que julgar inapropriados. Mesmo que o seu comentário seja aprovado pela nossa equipe, a responsabilidade sobre ele continua sendo sua.
O IP da sua conexão (54.243.17.113) será armazenado e disponibilizado às possíveis vítimas caso este espaço seja utilizado para atingir a honra ou prejudicar a imagem de alguém.
Enviar
    SELECT id,nome,email,comentario,i_cadastro,positiv,negativ,aprovado FROM w229_post_coment AS t WHERE aprovado>=0 AND post_id=38841 ORDER BY id DESC